Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257667
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Logistica de carga urbana : uma analise da realidade brasileira
Title Alternative: Urban goods logistics : an analysis on the brazilian reality
Author: Sanches Junior, Paulo Fernandes
Advisor: Lima Júnior, Orlando Fontes, 1958-
Junior, Orlando Fontes Lima
Abstract: Resumo: A União Européia vem patrocinando, desde o ano de 2000, consórcios (união de universidade, iniciativa privada e poder público) com o objetivo de conhecer a realidade da logística de carga urbana. No Brasil, projetos como os desenvolvidos na Europa ainda não foram iniciados. Porém, com a ratificação do Protocolo de Quioto pelo governo brasileiro e sua vigência a partir de 2005, aliado à nova Política Nacional de Mobilidade Urbana Sustentável (PNMUS), esse tema ganha visibilidade e força nas discussões das possíveis soluções de mobilidade urbana sustentável. O objetivo da pesquisa foi investigar a realidade da logística da carga urbana no Brasil. De forma específica buscou-se analisar o estágio atual da logística da carga urbana nas metrópoles do Brasil, identificar qual é o conceito de carga urbana no contexto brasileiro e comparar as soluções nacionais de carga urbana com as práticas internacionais. Para isso utilizou-se o método hipotético-dedutivo seguindo uma estratégia desenvolvida pelo projeto europeu BESTUFS voltado para questões semelhantes na Europa. Através da elaboração de uma matriz (MIRCU ¿ Matriz Investigativa da Realidade da Carga Urbana) e um questionário (QIRCU ¿ Questionário Investigativo da Realidade da Carga Urbana) pesquisou-se os conceitos, cenário atual e ideal, estratégias, projetos e soluções de carga urbana desenvolvidos por 20 metrópoles brasileiras. O QIRCU foi respondido pelos administradores públicos municipais responsáveis pela elaboração das políticas de trânsito das cidades. O trabalho demonstrou que os conceitos do transporte de carga urbana no Brasil se formam a partir do estágio de urbanização que as cidades se encontram e os projetos são desenvolvidos sem nenhum controle dos resultados obtidos com a sua implantação. Através da pesquisa foi possível identificar que, na percepção dos entrevistados, o conceito de mobilidade urbana no Brasil não contempla as atividades de carga urbana. Isso demonstra como será difícil ao governo brasileiro colocar em prática qualquer política nacional de mobilidade urbana sustentável, uma vez que cada cidade possui um conceito diferente tanto de mobilidade urbana quanto do transporte de carga e até mesmo do que é a carga urbana. Essa administração reativa dos problemas da carga urbana compromete a implementação da técnica de City Logistics que prevê um correto planejamento das atividades que irão ocorrer no centro das cidades

Abstract: The European Union has been sponsoring, since the year 2000, the formation of consortiums (from the association of universities, private and public organizations) aiming to identify the urban goods logistics reality. In Brazil, projects similar to those developed in Europe have yet been initialized. Nevertheless, with the signature of the Kyoto Protocol by the Brazilian Government and its legality from 2005 allied to the new Policy of National Sustainable Urban Mobility - PNMUS, this issue becomes more visible and acquires strength in the agenda for obtaining sustainable urban mobility. The objective of the research was to investigate the urban goods logistics in Brazil and in order to achieve that the hypothetico-deductive method is used jointly with the methodology developed by the European project BESTUFS. Through the elaboration of a matrix (MIRCU ¿ Matrix of investigation of urban goods reality) and a questionnaire (QIRCU - Questionnaire of investigation of urban goods reality), the concepts, present scenarios and ideal scenarios, strategies, projects and urban goods solutions developed by 20 Brazilian metropolis where researched. The QIRCU was responded by municipal public administrators responsible for the elaboration of traffic policies in their cities. The results demonstrate that the urban goods transportation concepts in Brazil are defined by the stage of urbanization where the cities are placed and the projects are developed without systematic control of the results achieved with its implementation. Through the research it was possible to identify that, in the perception of the interviewed, the concept of urban mobility in Brazil does not contemplate the activities of urban goods. Thus demonstrating the difficulty the Brazilian Government will face to realize any national policy of sustainable urban mobility, once each city has a unique and rather different concept of urban mobility and of goods transportation and even a different concept of urban goods. The reactive administration of the problems of urban goods compromises the implementation of the City Logistics technique that foresees a correct planning of the activities that will occur in the cities
Subject: Logística
Transporte de mercadorias
Planejamento urbano
Políticas públicas
Desenvolvimento sustentável
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SANCHES JUNIOR, Paulo Fernandes. Logistica de carga urbana: uma analise da realidade brasileira. 2008. 246p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/257667>. Acesso em: 10 ago. 2018.
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
SanchesJunior_PauloFernandes_D.pdf7.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.