Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257249
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito de protetor de sementes na seletividade de herbicida na cultura do algodoeiro (Gossypium hirsutum L.)
Title Alternative: Effect of the seed's protector on herbicide selectivity cotton (Gossypium hirsutum L.) culture
Author: Yazbek Junior, Waldemar
Advisor: Foloni, Luiz Lonardoni
Abstract: Resumo: O presente experimento teve como objetivo avaliar as principais cultivares de algodão plantado no Brasil, no sistema de plantio direto, quanto à seletividade ao herbicida Clomazone, submetidas a turnos de irrigação, logo após o plantio, caso que reflitam a pior condição para sua seletividade. Este experimento foi desenvolvido em casa de vegetação do Departamento de Produção Vegetal da ESALQ- USP- Piracicaba. O delineamento experimental foi de parcelas subdivididas em 4 repetições, avaliando a tolerância ao herbicida dos cultivares de algodão (Fiber Max 966, Delta Opal, Makina, IAC-24), tratando as sementes com 2 doses do protetor Dietolaphe (0,50 kg e 0,75 kg i aflOO kg de sementes), pulverizando as parcelas com ldose de herbicida Clomazone (1,0 kg do i a/ha) em pós-plantio e pré-emergência das plantas e utilizando 2 índices pluviométricos (9 mm e 18 mm) objetivando avaliar a possível percolação do protetor. Foram feitas avaliações aos 7, 14,21 e 28 DAE (Dias Após Emergência) para verificar a seletividade dos tratamentos no início da fase vegetativa do algodoeiro, principalmente nas folhas cotiledonares (V c), na primeira (VI), segunda (V2) e terceira (V3) folhas respectivamente. Na análise de seletividade dos cultivares testada, a Fiber Max 966, por ter o desenvolvimento inicial mais lento e atrasando a emissão das folhas, aparentou ser mais tolerante que as outras cultivares nas avaliações de 7, 14 e 21 DAE, já na avaliação de 28 DAE, a Fiber Max 966, Makina e IAC-24 não apresentaram diferença significativa de seletividade, apenas a Delta Opal foi um pouco menos tolerante, mas com o desenvolvimento das plantas todos os cultivares apresentaram nítido sinal de recuperação. Com relação à eficácia das doses utilizadas do protetor foi observado que nas parcelas onde as sementes não foram tratadas com Dietolaphe e pulverizadas com Clomazone ocorreu morte total das plantas. Naquelas parcelas onde foram aplicadas as doses de 0,50 e 0,75 kg do i a/lOO kg de sementes, ocorreu proteção regular para a menor dose e boa para a maior dose utilizada. A correlação entre fitotoxicidade e ocorrência de chuvas com diferentes índices (9 e 18 mm correspondentes a 30 e 60 minutos), logo após o plantio e aplicação do herbicida, não mostrou interferência no nível de fitotoxicidade. O protetor aplicado no tratamento de sementes, na seqüência adotada não foi lixiviado, dando proteção ao herbicida utilizado, para os cultivares de algodão. O uso do protetor Dietolaphe na semente junto com os inseticidas e fungicidas utilizados no tratamento das sementes antes do plantio possibilitou um aumento da seletividade ao Clomazone como protetor, mesmo em situação de ocorrência de chuva logo após o plantio

Abstract: This research was realized to evaluate the selectivity of main cotton varieties cultivated in Brazil, in no-tiU system, in relation to Clomazone herbicide, submitted at irrigation tums,starting afier the rowing, reflecting the worse condition for its selectivity. The experiment was developed at greenhouse of de Vegetal Production Department of ESALQUSP-Piracicaba . The experimental design was subdivided plots with four replications and the cotton cultivars: Fiber Max 966, Delta Opal, Makina and IAC-24. Seeds were treated with two doses of Dietolaphe protector: 0,5 kg and 0,75 kg a.i.lIOO kg ofseeds. Plots was splaying with the Clomazone dose 1,0 kg of the a.i./ha, afier rowing and daily preemergency of the plants,using two rain levels(9 mm and 18 mm) to observe protector percolation. Evaluations were made at the 7th ,14th ,21th and 28th DAE (Days Afier Emergency) to verify treatment selectivity in the beginning of the plant vegetative phase, mainly in cotyledons leaves (Vc), in the first (VI), second (V2) and third (V3) leaves respectively. Analysis of the cultivars selectivity showed that Fiber Max 966, for having the slower initial development and delayng the emission of leaves has more tolerance than the others varieties in the evaluation of 7th ,14th and 21 th DAE already at the 28th DAE, the Fiber Max 966, Makina and IAC-24 showed no significant difference of selectivity, but, only Delta Opal was less tolerant.All varieties presented clear recovery signal with the growth . The Dietolaphe dose of 0,5 kg a.i.lIOO kg of seeds gave regular plant protection and 0,75 kg a.i.ll00 kg of seeds gave good plant protection. The correlation between phytotoxicity and rain occurrence with different levels (9 and 18 mm corresponding to 30 and 60 minutes), afier the plantation and herbicide aplication did not show interference inthe phytotoxicity leveI. The protector Dietolaphe used with insecticides and fungicides in the seed treatment before planting increased Cromazone's selectivity
Subject: Algodão - Cultivo
Plantio direto
Herbicidas
Sementes oleaginosas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: YAZBEK JUNIOR, Waldemar. Efeito de protetor de sementes na seletividade de herbicida na cultura do algodoeiro (Gossypium hirsutum L.). 2004. 55f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Agricola, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/257249>. Acesso em: 4 ago. 2018.
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FEAGRI - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
YazbekJunior_Waldemar_M.pdf4.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.