Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257134
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Sistemas agrícolas e grupos de produção : uma investigação em duas modalidades diferenciadas de assentamentos rurais
Title Alternative: Agricultural systems and groups of production : an investigation into two differential modes of rural settlements
Author: Lopes, Antonio Wagner Pereira, 1954-
Advisor: Carmo, Maristela Simões do
Bergamasco, Sonia Maria Pessoa Pereira
Abstract: Resumo: Objetivou-se proceder à análise de práticas agrícolas e estratégias constituídas por grupos de assentados da região de Araraquara e de Ribeirão Preto, localizados na região Central e Nordeste do Estado de São Paulo. Buscou-se discutir a perspectiva de um novo paradigma de produção, que venha substituir moldes comumente encontrados na produção da agricultura familiar, e a possibilidade de ações expressas em sinais voltados à Agroecologia. O objetivo deste trabalho foi realizar uma caracterização no tocante à produção, à alimentação, ao autoconsumo, à relação com os recursos naturais, com as políticas públicas - discutindo, através dos mesmos, perspectivas de desenvolvimento rural para os assentamentos, em modalidades distintas de assentamento: um PA e um PDS. Metodologia: foram realizadas inúmeras visitas a campo, com intuito de melhor conhecer o modo de vida dos grupos dos assentados, valiosas na construção da relação de confiança com os produtores; registros fotográficos e aplicação de 50 questionários - 31 no assentamento Bela Vista do Chibarro e 19 no assentamento Sepé Tiarajú, através de uma amostra em grupos de produção, no PA (Projeto de Assentamento) Bela Vista e, na existência de cooperativas, no PDS (Projeto de Desenvolvimento Sustentável) Sepé Tiarajú. Os atores que compõem a amostragem são produtores de quatros grupos do Bela Vista: Grupo da Palha, Grupo de Produtores Individuais de Hortaliças, Grupo Pedra D¿água, grupo dos que não aderiram à Cana e quatros cooperativas do Sepé Tiarajú: Cooperagrosepé, Fraterra, Cooperecos e Cooperfit. Pelos resultados obtidos, apresentaram-se as seguintes tendências: nos PAs mais antigos, predominam práticas convencionais, embora existam sinais de agrobiodiversidade, no plantio "embolado", no manejo do solo, na redução do uso de insumos na produção das hortas, na reedição de hábitos tradicionais na criação de suínos e aves. A renda mensal, cujo cálculo não apresenta plena exatidão ficou no Bela Vista em torno de R$ 2.000,00 e no Sepé Tiarajú, R$1.500,00. Nas duas modalidades, o autoconsumo mostrou a impossibilidade de ser dissociado da renda, sendo uma possível alavanca de segurança alimentar nos assentamentos e para a população do entorno. No assentamento Bela Vista, a escola, considerada modelo, atua como elemento irradiador das práticas sociais inovadoras no seio da comunidade. No Sepé Tiarajú, além da proibição dos agrotóxicos, o número crescente de SAFs, reforçado pela aprovação recente de um projeto no Comitê de Bacia hidrográfica, que vai implicar na instalação de 31 novos SAFs, o saldo organizativo expresso na boa relação entre as cooperativas, justificada por afinidade, reflete-se em todo o conjunto do assentamento, não apenas no sistema produtivo. Discutiu-se na tese sistemas produtivos vinculados a estratégias familiares que se fazem presentes nos dois assentamentos analisados. Igualmente foi investigada a influência de políticas públicas no desenvolvimento dos assentamentos, tendo sido constatado que os PAs mais antigos arcaram, de modo mais acentuado do que os PDSs, com o ônus da incerteza e da frágil presença do órgão gestor. A partir de 2004, as políticas públicas federais se transformam em alavancas possíveis de desenvolvimentos dos assentamentos, especialmente o PAA e o PNAE, o que vai depender em muito das ações levadas adiante pela gestão pública local

Abstract: The aim of this research was to analyze agricultural practices and strategies adopted by groups of settled families in the region of Araraquara and Ribeirão Preto, located in the Central and Northeastern region of São Paulo state. We have tried to discuss the production paradigm, which may substitute the manners usually found in the production of familiar agriculture and the possibility of actions expressed in signals voltados to Agroecology.The aim of this research is to carry out a characterization of production, food, self-consumption, the relationship with natural resources and with the public policies and, based on these aspects, to discuss perspectives of rural development for the settlements, in distinct modalities of settlements: a PA (Settlement Project) and a PDS (Sustainable Development Project). Methodology: several field visits were made with the aim of knowing better the way of life of the settled group, which were significant in the construction of a confidence relationship with the producers; photographic registers and the application of 50 questionnaires- 31 in the Bela Vista do Chibarro settlement and 19 in the Sepé Tiarajú, using a sample of the production groups in PA Bela Vista and, in case of existence of cooperatives, in the PDS Sepé Tiarajú. The actors who compound the sample are producers belonging to 4 groups from Bela Vista: " Grupo da Palha", Group of Individual Vegetable Producers, "Grupo Pedra d¿água", a group of settlers who didn't join sugarcane and 4 cooperatives of Sepé Tiarajú: Cooperagrosepé, Fraterra, Cooperecos e Cooperfit.The obtained results showed the following tendencies: in the oldest PAs, conventional practices are more prevalent, although there are signals of agrobiodiversity in the "embolden" planting, in the soil management, in the reduction of the use of inputs in the production of vegetables, in the reedition of traditional habits in poultry and pig raising. The monthly income, whose amount is not exact, reached around R$ 2.000,00 in Bela Vista and around R$ 1.500,00 in Sepé Tiaraju. In both modalities, home consumption showed the impossibility of divorcing it from the income, being a possible lever of food security in the rural settlements and for the surrounding communities. In Bela Vista Settlement, the school, considered as a model, acts as a central element of innovative social practices in the center of the community. In Sepe Tiarajú, besides the prohibition of agrotoxics, the crescent number of SAFs, reinforced by the recent approval of a project in the "Comitê de Bacia Hidrográfica", which will bring the installation of 31 new SAFs, the organizational balance expressed in the good relationship among the cooperatives, justified by affinity, reflects on the whole of the settlement, and not only on the productive system. We discussed productive systems linked to common strategies which are present in both analyzed rural settlements. We also investigated the influence of public policies in the development of settlements, and we verified that the oldest PAs bore, more than the PDSs, with the burden of uncertainty and of the fragile presence of the management organ. Since 2004, the federal public policies have become possible levers for settlements¿ developments, specially the PAA and the PNAE, depending mainly on the actions developed by the local public management
Subject: Sistemas agricolas
Assentamentos rurais
Políticas públicas
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FEAGRI - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Lopes_AntonioWagnerPereira_D.pdf5.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.