Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257047
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito da atmosfera modificada e da variação de temperatura durante armazenagem na qualidade do figo "roxo de Valinhos"
Title Alternative: Effect of modified atmosphere and temperature variation during storage in "roxo de Valinhos' " fig quality
Author: Souza, Franciane Colares, 1979-
Advisor: Ferraz, Antônio Carlos de Oliveira, 1953-
Abstract: Resumo: A cultura do figo (Ficus carica L.) no estado de São Paulo iniciou-se no começo do século XX na região de Campinas e Valinhos, e desde 1990 vem ganhando destaque na região, responsável por 90% da produção nacional de figos de mesa, e tem conseguido espaço no mercado europeu no período de entressafra. O figo 'Roxo de Valinhos' é altamente perecível, com curta vida útil em condições ambientais, de 1 a 3 dias, razão pela qual deve ser comercializado rapidamente. Como não são aplicadas técnicas para conservação do figo, para que chegue em condição aceitável na Europa, a solução encontrada pelos produtores foi antecipar sua colheita, colhendo-o no estádio verde, bem mais cedo que o utilizado para o figo destinado ao mercado interno, prejudicando seu sabor e aparência. O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho da atmosfera modificada ativa na qualidade e vida útil do figo 'Roxo de Valinhos¿. Utilizou-se o figo no estádio meio maduro (rami), armazenado com atmosfera modificada passiva (AMP) e atmosfera modificada ativa (AMA) com 20% de CO2 e 6,5% de O2, acondicionado em filme de polietileno de baixa densidade (PEBD) de 30µm, e armazenado durante uma semana sob quatro regimes térmicos (RT), com umidade relativa de 90±5%. Os RT avaliados foram temperatura constante de 20ºC±1ºC (RT1), temperatura constante de 10ºC±1ºC (RT2), temperatura de 20ºC±1ºC nas primeiras 48 horas de armazenamento seguida de um degrau negativo de 10ºC a partir o terceiro dia (RT3) e temperatura de 10ºC±1ºC no primeiro dia de armazenamento, seguidas por um degrau positivo de 10ºC no segundo dia, com diminuição para 10ºC do terceiro dia até o final do armazenamento (RT4). Para avaliação do desempenho das condições de atmosfera e regimes térmicos na qualidade do figo foram realizadas medidas de temperatura da polpa do figo, concentração gasosa nas embalagens (CO2, O2 e etileno), perda de massa, sólidos solúveis, acidez titulável, firmeza de polpa e aparência. As embalagens com AMA não mantiveram a concentração inicial de CO2 em 20%, devido à alta taxa de permeabilidade do filme a esse gás. A partir do quarto dia, a concentração de CO2 apresentou tendência de equilíbrio para os tratamentos com AMP e AMA, sem alterações significativas até o final do armazenamento. Os tratamentos com AMP e AMA mantiveram baixos índices de perda de massa, próximos a 1,5%, boa aparência e melhores índices de firmeza até o final do armazenamento, enquanto as frutas do tratamento testemunha não apresentaram condições de comercialização a partir do quarto dia. Foi evidenciado que o RT1 apresentou a pior condição para armazenamento do figo, favorecendo a perda de massa e ocorrência de podridão das frutas, e não foi observada diferença entre as frutas armazenadas com AMP e AMA

Abstract: The production fig (Ficus carica L.) began in the state of São Paulo at the beginning of XX century in the area of Campinas and Valinhos, and since 1990 this production is getting prominence as responsible for 90% of the national production of fresh figs, including exports to Europe. The ' Roxo of Valinhos' fig is highly perishable, lasting 1 to 3 days in room conditions, and therefore it shall be marketed quickly. Since conservation techniques are not usually applied in figs, the solution found by the producers for the product arrive in acceptable condition in Europe was to anticipate harvest, picking it in the green stadium, much earlier than used for the fig destined to the internal market, harming its flavor and appearance. The objective of this work was to evaluate the effect of an active modified atmosphere in quality and shelf life of the 'Roxo of Valinhos' fig. Figs were harvested at the middle stadium of ripening, stored with passive modified atmosphere and active modified atmosphere (20%CO2 and 6,5%O2), wrapped with low density 30µm polyethylene film (LDPE), and stored during one week under four thermal regimes (RT), with relative humidity of 90±5%. Thermal regimes (TR) used were constant temperature of 20ºC±1ºC (TR1), constant temperature of 10ºC±1ºC (TR2), temperature of 20ºC±1ºC in the first 48 hours of storage followed by a negative step of 10ºC in the third day (TR3) and temperature of 10ºC±1ºC in the first day of storage, followed for a positive step of 10ºC in the second day, with decrease for 10ºC of the third day to the end of the storage (TR4). For evaluation of the performance of the combination of atmosphere conditions and thermal regimes in the quality of the fig, there were performed measurements of pulp temperature, gaseous concentration in the packages (CO2, O2 and C2H4), weight loss, soluble solids, titritable acidity, pulp firmness and appearance. The packages with active modified atmosphere didn't maintain the initial concentration of CO2, due to the high diffusion rate of the film to that gas CO2 concentration achieved equilibrium at the fourth day for both of the treatments with passive and active modified atmosphere, without significant changes until the end of storage period. The treatments with modified atmosphere showed low indexes of weight loss, good appearance and little changes in firmness index till the end of storage, while the fruits of the control treatment didn't present marketable conditions at the fourth day. TR1 resulted in worst condition for storage of the fig, favoring weight loss and decay occurrence. No difference was observed among fruits stored with active and passive modified atmosphere
Subject: Figo - Transporte
Frutas - Conservação
Controle atmosferico
Temperatura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SOUZA, Franciane Colares. Efeito da atmosfera modificada e da variação de temperatura durante armazenagem na qualidade do figo "roxo de Valinhos". 2007. 81f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Agricola, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/257047>. Acesso em: 10 ago. 2018.
Date Issue: 2007
Appears in Collections:FEAGRI - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Souza_FrancianeColares_M.pdf1.55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.