Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/256683
Type: TESE
Title: Produção, purificação, caracterização e aplicação industrial de lacase fungica
Author: Minussi, Rosana Cristina
Advisor: Pastore, Gláucia Maria, 1953-
Abstract: Resumo: As condições ótimas de cultivo em meio semi-sólido e líquido de Trametes versieolor, Trametes villosa, Lentinus edodes e Botrytis einerea para produção de lacase foram estudadas. A maior atividade de 1acasefoi obtida em meio líquido com o fungo T. versicolor na presença de 2,5- xilidina e cobre como indutores. A atividade de lacase presente no extrato bruto foi então purificada e caracterizada. Foram encontradas duas fonnas de lacases (LI e L2) com a mesma massa molecular de 66 kDa. As lacases purificadas apresentaram propriedades catalíticas e fisicoquímicas similares as lacases de outros fungos basidiomicetos. A aplicação de lacase de T. versieolor em efluentes provenientes da indústria papeleira e da produção de óleo de oliva mostrou o alto potencial biotecnólogico desta enzima em presença e ausência de mediadores. A presença do mediador entendeu os substratos oxidados pela enzima. Fungos foram selecionados com base na sua habilidade em descolorir efluente têxtil e corantes comerciais em meio sólido. Atividade de lacase foi observada em placas descoradas por Trametes versieolor e Trametes villosa de corante Azul Reativo 19. Lentinus edodes mostrou a maior habilidade em termos de extensão e rapidez de descoloração nos diferentes corantes. Os resultados obtidos indicam uma possível relação entre a produção de sideróforos e a descoloração de corantes utilizados na indústria têxtil. Uma grande correlação entre potencial antioxidante total e teor de fenóis totais em vinhos comerciais foi observada. Ácido gálico foi o mais abundante dos ácidos fenólicos em vinhos tintos, seguido de (+)-catequina e (-)~icatequina. Estes compostos também foram correlacionados com o potencial total de antioxidantes dos vinhos. A detenninação do potencial total de antioxidantes pela descoloração de radicais cátions do ácido 2,2' -azino-bis(3-etilbenztiazoline-6-sulfonico) (ABTS), usando acido gálico como padrão, mostrou-se eficiente na determinação de características de diferentes vinhos. A utilização de lacase de Trametes versicolor na remoção de fenóis em mosto visando estabilização de vinhos indicou que o tratamento com o mosto tinto afeta principalmente os compostos fenólicos responsáveis pelas propriedades antioxidantes. Entretanto, o tratamento de mostos brancos com lacase mostrou maior redução em fenóis totais que no potencial antioxidante. A degradação de fenóis foi mais rápida para catequinas, seguida pelos estilbenos (eis e trans resveratrol) e derivados de ácidos cinâmicos (ferúlico e cafeico) e benzóicos (siringico, vanilico e gálico)

Abstract: The optimum cultivation conditions in semi-solid and liquid medium of Trametes versieolor, Trametes vil/osa, Lentinus edodes and Botrytis einerea for laccase production were studied. A high laccase activity was obtained in a liquid cu1tureof T. versieolor in the presence of 2,5-xylidine and copper as inducers. The laccase activity present in the crude extract was then purified and characterized. Two forms of laccases (LI and L2) with the same molecu1armass of 66 kDa were found. The purified laccases physicochemical and catalytic properties were similar to the analogous enzymes of other basidiomycetes. The application of this laccase in EI (pulp and paper) and olive oil wastewaters showed high biotechnology potential in the presence and absence of mediators. The mediator presence extended the oxidized compounds by laccases in these wastewaters. Four selected fungi were screened for their ability to decolorize a textile efl1uent and commercial reactive dyes in a solid medium. Laccase activity was observed in Reactive Blue 19 decolorized plates by Trametes versieolor and Trametes vil/osa. Lentinus edodes presented the greatest decolorization ability both in terms of extent and rapidity of decolorization. The results showed a possible relation between siderophores production and decolorization oftextile dyes. A high relationship between the total antioxidant potential and the phenolic content of commercial wines was found. In red wines, gallic acid was the major of the phenolic acids and (+)- catechin and (-)-epicatechin were the next most abundant phenolics. Also, these compounds are strictly correlated with the total antioxidant potential of wines. Total antioxidant potential by bleaching of 2,2' zino-bis(3-ethylbenzthiazoline-6-sulfonic acid) (ABTS) radical cations, using gallic acid as standard, could be a successful tool for evaluating the characteristics of different wines. Laccase utilization in must aiming wine stabilization indicated that the treatment of a red must with laccase affect mainly the phenolic compounds responsible for the must antioxidant properties. Although, the treatment of white musts with laccase showed a greater reduction in total phenol than in total antioxidant potential. Phenol degradation was very rapid for catechins, and less rapid for stilbenes (eis and trans resveratrol) and derivatives of cinnamic (ferulic and caffeic) and benzoic (syringic, vanillic, and gallic) acid
Subject: Bioremediação
Vinho e vinificação
Antioxidantes
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FEA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Minussi_RosanaCristina_D.pdf23.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.