Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/256588
Type: TESE
Title: Analise dos meios de cultura para a produção de acido citrico por linhares de Aspergillus niger
Author: Acosta, Liliana Agudelo
Advisor: Yokoya, Fumio, 1937-
Abstract: Resumo:Foi acompanhado o comportamento de vinte linhagens de Aspergillus niger na produção de ácido cítrico, quando cultivadas em diferentes formas e meios de fermentação. Observou-se que as exigências nutricionais de Aspergillus niger para a produção de ácido cítrico dependem da linhagem e do processo do cultivo. Dentre as linhagens estudadas e nas condições experimentais - fermentação em superfície e submersa em meio natural, escolheram-se as cepas FTPT 906 para a fermentação em superfície, FTPT 488 para fermentação submersa e FTPT 1762 como cepa aleatória, porque demonstraram maior capacidade de produção de ácido cítrico. Verificou-se a necessidade de tratamento do melaço de cana-de-açúcar com óxido de cálcio (CaO) e ferrocianeto de potássio (FCN), visando a remoção e precipitação de íons que contaminam os substratos evitando, assim, sua ação inibidora na fermentação cítrica. Observou-se que a quantidade de FCN requerida em excesso é determinado principalmente pela linhagem do fungo e qualidade do substrato. Aspergillus niger FTPT 906 demonstrou, nas condições de fermentação em superfície em meio natural, maior capacidade de produção de ácido cítrico. A adição de íons ferro e cobre em conjunto ao meio de cultura não favorece a produção de ácido; o mesmo aconteceu quando adicionou-se íon cobre no processo. 0 crescimento celular não foi influenciado pela adição de íons metálicos no meio de cultura.

Abstract: Twenty citric acid producing strains of Aspergillus niger were tested regarding their capacity to produce citric acid in various media composition under surface and submerged growth conditions. Nutritional requeriment for their growth and acid production varied from strain to strain. Strain FTPT 906 was selected for further studies by surface culture method because of its hability to produce highest amount of acid. Strain FTPT 488 produced highest amount of acid in submerged culture and strain FTPT 1762 produced reazonable amounts of acid in both cultivation methods. The treatment with calcium oxide and potassium ferrocianate (FCN) was requered for the precipitation of metallic ions from molasses media to reduce inhibition of citric acid production. The excess of FCN required for highest citric acid production varied according to the fungus strain and qualites of substrate. Addition of iron and copper ions to the media did not enhance acid production. The growth of fungus was not affected by those metallic ions.
Subject: Acido citrico
Aspergillus
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1994
Appears in Collections:FEA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Acosta_LilianaAgudelo_M.pdf2.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.