Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/256473
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo das condições de armazenamento sobre as propriedades mecanicas e de barreira de filmes de gelatina reticulada
Author: Sakanaka, Lyssa Setsuko
Advisor: Menegalli, Florência Cecília, 1944-
Abstract: Resumo: Na última década, os biofilmes se tornaram foco de interesse por ser uma alternativa natural de associar qualidade de vida e segurança do produto. Enquanto que, as embalagens sintéticas se restringem a apenas proteger os produtos (sendo descartadas após o uso), os biofilmes podem, ainda, funcionar como transportadores de nutrientes e de fungicidas naturais; podendo ser, inclusive, comestíveis. O biofilme a base de gelatina se caracteriza por ser flexível, transparente e resistente; no entanto, apresenta alta permeabilidade ao vapor de água em função da característica higroscópica da proteína. A reticulação química é uma das técnicas mais usadas para melhorar as propriedades funcionais das proteínas, sendo também usada na produção de filmes mais resistentes às adversidades mecânicas. Como a qualidade do produto também está relacionada com a estabilidade da embalagem durante a sua vida de prateleira, o objetivo deste trabalho foi estudar o comportamento das propriedades funcionais, da cor e da opacidade de biofilmes de gelatina reticulada com glutaraldeído, e armazenados em condições controladas de umidade relativa (57% e 75%) a 25°C, durante 3 meses. Os filmes foram preparados com gelatina (10%), sorbitol, como plastificante, nas concentrações de 55 e 65% (p/p) e glutaraldeído (1,33%). Inicialmente, os biofilmes apresentaram-se com coloração ligeiramente amarelada, transparentes, flexíveis e inodoros. Os resultados obtidos indicaram que tanto a umidade relativa, como a concentração de plastificante, teve influência sobre as propriedades dos biofilmes de gelatina reticulada durante o armazenamento. A cor dos filmes armazenados a 75% de UR passou para um amarelo mais escuro, mas continuou transparente. Já os filmes condicionados a 57% de UR apresentaram uma superfície repleta de cristais brancos, em função da migração do sorbitol à superfície dos filmes, tornando-os altamente opacos, antes de completar 1 mês de condicionamento. As propriedades funcionais variaram pouco durante o armazenamento. Os biofilmes de gelatina são relativamente estáveis nas condições estudadas, podendo ser utilizadas para embalar produtos com umidade intermediária e de rápido consumo.

Abstract: In the last decade, biofilms have become targets of interest because they may turn out to be a good and natural alternative to put together life's quality and product safety. While synthetic packagings have a narrow function of only protecting the product, being discarded after their use, biofilms can, additionally, function as carrier of nutrients and natural fungicides, or even being edible. Gelatin based biofilms are characterized as being flexible, transparent and mechanically resistant, although show high water permeability, due to hygroscopic characteristics of their protein. Crosslinking protein based biofilms is one of the techniques used to improve their functional properties, as well as their stability against aging. The objective of this work was to study the behavior of glutaraldehyde crosslinked gelatin based biofilm's functional properties, color and opacity under specific conditions of reIative humidity (57% and 75%) at 25°C, for a period of 3 months. Films were prepared using bovine gelatin (10%), sorbitol (55% and 65%) as plasticizer and glutaraldehyde (1,33%) as crosslinking agent. Initially, gelatin biofilms showed yellowish coloring and transparency, and were flexible and odorless. The study showed that relative humidity and sorbitol's concentration influence biofilm's properties during storage. Biofilms stored at 75% of RH showed browning reaction during storage time, but remained transparent. The development of white crystals over biofilms during storage at lower relative humidity (57%) can be justified as sorbitol's migration from bulk to films surface after one week of storage. Films mechanical and barrier properties showed little variation with storage time. This study has shown that gelatin crosslinked biofilms are a feasible alternative for the synthetics packaging presently used for products having intermediate humidity, but further developments are recommended.
Subject: Biofilme
Gelatina
Proteínas - Ligações cruzadas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SAKANAKA, Lyssa Setsuko. Estudo das condições de armazenamento sobre as propriedades mecanicas e de barreira de filmes de gelatina reticulada. 2002. 175p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Alimentos, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/256473>. Acesso em: 2 ago. 2018.
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FEA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Sakanaka_LyssaSetsuko_M.pdf30.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.