Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/256181
Type: TESE
Title: Fermentação como metodo de conservação de frangos mortos em granjas : avaliação microbiologica, fisico-quimica e nutricional
Author: Oliveira, Afonso de Liguori
Advisor: Silva, Edir Nepomuceno da, 1949-
Abstract: Resumo: A eliminação de frangos mortos é atualmente um problema de ordem ambiental, biológica e econômica para a indústria avícola. Procurando solucioná-lo, foi avaliada em uma primeira etapa a eficiência de um processo fermentativo na conservação de frangos mortos moídos, misturados com três diferentes fontes de carboidratos (açúcar, milho e uma mistura milho e cana 1:1) em três níveis de adição (5, 10 e 15%) e um controle, que foram estocados à temperatura ambiente (=20° C) por até 54 dias. Exceto no controle, em cada tratamento foi inoculado artificialmente culturas de Salmonella Enteritidis e Escherichia coli marcadas com ácido nalidíxico (NalR) para se avaliar a eficiência do processo em inativar esses microrganismos patogênicos. Análises microbiológicas e físico-químicas foram realizadas aos 1, 3, 6, 9, 18, 27, 36, 45 e 54 dias de estocagem. As contagens padrão de mesófilos aeróbios e de bactérias lácticas foram reduzidas em média de 3 e 1 ciclos logarítmicos respectivamente; as de bolores e leveduras se mantiveram em tomo de 5,7 log UFC/g até o 54° dia de estocagem. As contagens de Staphylococcus aureus, Clostridium perfringens, Escherichia coli NalR e Salmonella Enteritidis NalR reduziram-se de 5, 5, 7 e 7 log UFC/g, respectivamente, para níveis não detectáveis entre o 9° e o 18° dia de estocagem. Os tratamentos contendo açúcar e milho, após o 9° dia de fermentação, já se apresentavam liqüefeitos e com nítida separação de fases. Os valores de pH reduziram-se de 6,2 (dia 1) para.< 4,5 após o 9° dia de estocagem nos tratamentos contendo 10 e 15 % de açúcar e 15 % de milho, e mantiveram-se em valores < 4,5 até o 45° dia nos dois primeiros e até o 18° dia no terceiro. Os demais tratamentos não chegaram a apresentar valores de pH < 4,5. Numa segunda etapa, utilizou-se a fonte de carboidrato que apresentou o melhor desempenho no processo de fermentação, sendo então preparados 1000 Kg de uma mistura contendo frangos mortos moídos e 10% de açúcar. Após a fermentação, a mistura foi desidratada e desengordurada industrialmente. A farinha obtida foi avaliada como ingrediente de rações, sendo utilizada em níveis crescentes (O, 2,5, 5 e 10 %) na formulação de rações isocalóricas (3200 Kcal/Kg) e isoprotéicas (20% de PB) para frangos de corte entre a 4a e a 6a semana de idade. Os resultados referentes ao peso médio, ganho de peso e consumo de ração semanal e os de conversão alimentar e mortalidade não indicaram diferenças (P>0,05) entre o controle e os demais tratamentos. Ao abate, a avaliação da composição corporal indicou maior quantidade de penas e menor quantidade de vísceras não comestíveis (P<0,05) para as aves tratadas com rações contendo 10 % de farinha desengordurada. Os rendimentos de carcaça e os rendimentos em cortes não foram afetados. Concluiu-se que a utilização de 10 % de açúcar foi a mais efetiva para reduzir ou eliminar microrganismos patogênicos durante o processo fermentativo e que a incorporação da farinha como ingrediente de rações até níveis de 10 % não afetou o desempenho de frangos de corte

Abstract: The disposal of dead broiler presents a significant environmental, biological and economic problems for the poultry industry. In order to solve them in a first step was evaluated the fermentation process efficiency, using ground dead broiler mixed with three fermentation substrates (sugar, com and com: sugar cane - 1: 1) at three addition levels (5, 10 e 15 %) and one control, which were storaged at room temperature (=20° C) for up to 54 days. Each treatment, except the control, was artificially inoculated with a marked nalidixic acid culture of Salmonella Enteritidis-NalR and Escherichia coli-NalR to evaluate the process efficiency in inativate these pathogenic microorganisms. Microbiological and physical-chemical analysis were performed at 1, 3, 6, 9, 18, 27, 36, 45 and 54th day of the storage. The aerobic mesophilic and lactic acid bacteria counts were reduced approximately 3 and 1 log cycle respectively; yeast and molds 'counts was kept about 5,7 log CFU/g until 54th day of storage. Staphylococcus aureus, Clostridium perfringens, Escherichia coli-NalR and Salmonella Enteritidis-NalR counts were reduced from 5, 5, 7, and 7 log CFU/g, respectively, to non-detectable levels between the 9th and 18th. Sugar and corn treatments presented changed in consistency, with two distinct phases. The pH values were reduced from 6.2 (day one) to < 4.5 after 9th day in treatments with sugar 10 % and 15 %, and com 15 % and were maintained at these values until 45th day in the first and second treatments and until 18th day for the last. The other treatments did not show pH values below 4,5. In a second step, the best substrate for the fermentative process was chosen, in order to prepare 1000 Kg of a mixture of dead ground broilers with sugar 10 %. After fermentation the mixture was industrially dehydrated and defatted. The meal obtained was evaluated as a feed broiler ingredient, using crescent levels (0, 2.5, 5, and 10 %) to formulate isocaloric (3200 Kcal/Kg) and isoproteic (20 % of Crude Protein) diets to feed broilers from the 4th to 6th week of age. Mean weight, weight gain, feed consumption, feed conversion and mortality results did not show, differences (P > 0,05) among control and treatments. After slaughter the body composition evaluation indicated that feather weight was higher and the offal weight (inedible components) was lower (P < 0,05) for the broilers fed with 10 % of defatted meal. Carcass and yields of body components were not affected by the addition of the defatted meal. The most effective carbohydrate to reduce or eliminate pathogenic microorganisms was sugar in concentration of 10 % during the fermentation process, and the addition of defatted meal up to 10 % in broiler feed did not affect their performance
Subject: Frangos1
Fermentação
Mortalidade
Frangos - Carcaças
Silagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1997
Appears in Collections:FEA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_AfonsodeLiguori_D.pdf5.17 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.