Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/256165
Type: TESE
Title: Quantificação de provitaminas A e carotenoides majoritarios em frutas e hortaliças por cromatografia liquida de alta eficiencia
Author: Wilberg, Viktor Christian
Advisor: Rodriguez-Amaya, Delia B., 1941-
Rodriguez-Amaya, Delia
Abstract: Resumo: Estratos de 4 diferentes tipos de frutas e seus produtos processados, de 5 diferentes Hortaliças folhosas e de sementes de urucum foram analisadas por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) em coluna C-18 com acetonitrila/clorofórmio 92:8 como fase móvel. As provitarainas A e os carotenóides majoritárias foram quantificados através dos métodos de padronização externa e de adição de padrão. Os resultados obtidos foram equivalentes, com uma precisão ligeiramente maior no caso da padronização externa. O emprego de CLAE não mostrou ser vantajoso no caso da determinação dos carotenóides totais do urucum e o método da adição de padrão deve ser utilizado com restrições, sendo recomendado apenas para extratos não saponificados de folhas. Para os demais extratos, a padronização externa deve ser o método de escolha. No entanto, esta técnica requer purificação e manutenção de carotenóides padrões, uma tarefa difícil, considerando a diversidade dos carotenóides e sua susceptibilidade à degradação

Abstract: Extracts from 4 different kinds of fruits and their processed products, from 5 different leafy vegetables and from annatto seeds were analysed by high performance liquid chromatography (HPLC) on a C-18 column with acetonitrile/chloroform 92:8 as mobile phase. The provitamins and major carotenoids were quantified by means of external standardization and standard addition methods. Results showed the two techniques to be equivalent, but external standardization was a little more precise. The use of HPLC demonstrated no advantage in the quantitation of total annatto carotenoids. The standard addition method should be used with restrictions, being suitable only for unsaponified leaf extracts. For all the other samples, the external standardization should be the method of choice. This technique, however, requires the purification and maintenance of carotenoid standards, a difficult task considering the diversity of carotenoids and their susceptibility to degradation
Subject: Carotenóides
Alimentos - Conteudo vitaminico
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1992
Appears in Collections:FEA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Wilberg_ViktorChristian_D.pdf3.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.