Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/25568
Type: Artigo de periódico
Title: Physical properties of soils under intensive agricultural management
Title Alternative: Propriedades físicas de solos submetidos a práticas intensivas de manejo
Author: Soares, Jorge Luís Nascimento
Espindola, Carlos Roberto
Pereira, Walcylene Lacerda Matos
Abstract: Pedologic alterations after long-term sugar cane (Saccharum officinarum) cropping cycles under traditional soil management systems were studied on a farm in Bariri, SP, Brazil. A toposequence was established to evaluate the effects of the soil position in the relief in changing soil physical attributes. Morphological field descriptions and laboratory analyses were carried out on vertical profiles of the upper, middle and lower thirds of a Typic Haplorthox slope. Soil bulk density and macroporosity changed along the toposequence reflecting on soil hydrodynamics, especially in the lower slope parts. At sites with high clay levels, empty spaces were filled forming block shaped structures together with the micro-aggregate structure. The intensive cultivation induced the greatest soil structure alterations, even at the deepest layers. The study pointed out the importance of performing detailed morphological observations in vertical profiles, due to the great variation on pedological attributes over short distances. Compacted soil sections were observed side-by-side with desaggregated mottles in the same soil profile. This fact evidenced that both vertical (in each profile) and horizontal gradients (along a toposequence) need to be considered in studies of time sequence variation of pedological parameters.
O presente trabalho foi realizado numa propriedade agrícola situada no município de Bariri, SP, em área cultivada com cana-de-açúcar (Saccharum officinarum), onde foram estudadas algumas alterações pedológicas decorrentes de um longo período de exploração agrícola com sistema tradicional de manejo do solo. Foi estabelecida uma condição de toposseqüência para que pudesse ser avaliada a importância da posição dos solos no relevo sobre as modificações de alguns dos seus atributos físicos. As observações foram realizadas em campo e laboratório, em perfis verticais situados nos terços superior, médio e inferior da encosta em um Latossolo Vermelho. Houve alterações na densidade do solo e da macroporosidade, com reflexos na hidrodinâmica do solo, principalmente nas posições mais baixas do relevo. Nos sítios mais argilosos houve preenchimento dos espaços vazios, com a formação de estrutura em blocos, ocorrendo concomitantemente com a estrutura microagregada. Os tratos culturais promoveram grandes alterações na estrutura dos solos, mesmo em camadas relativamente profundas. O estudo ressaltou a importância de observações morfológicas detalhadas dos perfis de solo, em face da grande variabilidade dos atributos pedológicos a uma curta distância. Foram observados, num mesmo horizonte do perfil, setores compactados ao lado de bolsões desagregados, o que atesta a necessidade de serem considerados tanto os gradientes verticais (em cada perfil) como os laterais (ao longo da toposseqüência) no estudo das variações temporais dos parâmetros pedológicos.
Subject: manejo do solo
toposseqüência
micromorfologia do solo
agregados
soil management
toposequence
aggregates
soil micromorphology
Editor: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0103-90162005000200012
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90162005000200012
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90162005000200012
Date Issue: 1-Apr-2005
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0103-90162005000200012.pdf251.05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.