Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/255527
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Contribuição ao estudo de absorvedores enzimaticos de oxigenio na conservação de cafe torrado e moido
Author: Adell, Edilene Amaral de Andrade
Advisor: Moretti, Roberto Hermínio, 1940-
Abstract: Resumo: O café é um produto bastante difundido no mundo. Sua aceitação depende em grande parte das características organolépticas da bebida; em especial seu aroma e sabor. A preocupação com a manutenção das qualidades sensoriais originais do café torrado e moído, durante o seu armazenamento e comercialização, tem sido uma constante entre os fabricantes, que buscam o prolongamento da vida útil deste produto, através do acondicionamento a vácuo, envase sob atmosfera inerte (nitrogênio ou gás carbônico), uso de absorvedores químicos de oxigênio, etc.; visto que comprovadamente o oxigênio é o principal responsável pela deterioração da qualidade do café. O café torrado e moído, quando embalado a vácuo, tem uma vida útil limitada, devido à ineficiência na remoção de todo o oxigênio da embalagem. Desta forma, o teor de oxigênio residual na embalagem, define a vida-de-prateleira do produto. O mesmo ocorre quando .absorvedores químicos, tal como, "Ageless", produzido pela Mitsubishi Gas Chemical Company, Inc., são utilizados para a conservação do café torrado e moído. Esta pesquisa teve por objetivo estudar uma forma alternativa para a remoção do oxigênio das embalagens de café torrado e moído. Para tanto, utilizou-se o sistema enzimático glicose-oxidase/catalase. Complementarmente, estudou-se o acondicionamento a vácuo e o uso de absorvedores "Ageless". Como padrão, utilizou~se café acondicionado a vácuo e congelado a ¿18°C. Determinou-se, mensalmente, a umidade, pH, acidez total titulável, porcentagem de sólidos solúveis e características sensoriais das bebidas, para todas as amostras em estudo. Analisou-se a variação dos resultados, comparativamente, entre as amostras, e em função do tempo de armazenamento. Concluiu-se que o café torrado e moído, acondicionado com o complexo enzimático glicose-oxidase/catalase, conservou melhor suas características originais, de recém torrado e moído, quando comparado com os demais sistemas estudados, comercialmente utilizados. Estes resultados se devem à maior efetividade do sistema enzimático na remoção do oxigênio das embalagens.

Abstract: Coffee is a widespread product on the world market. Its acceptance depends strongly on the organoleptic characteristics of the beverage, especially its aroma and flavor. The maintenance of the sensory qualities of the ground roasted coffee during its storage and commercialization, has been a constant preoccupation among the producers looking for ways to extend the shelf life of this product by using vacuum, controlled atmospheres (nitrogen and carbon dioxide), chemical oxygen scavengers, etc.; since oxygen is known to be the main factor responsible for the deterioration in coffee quality. Ground roasted coffee, when vacuum packaged, has a limited shelf life due to insufficient oxygen removal from the package. Therefore, the residual oxygen content in the package defines the shelf life of the product. The same happens when chemical scavengers such as "Ageless", produced by Mitsubishi Gas Chemical Company, Inc., are used tor the ground roasted coffee conservation. An alternative way to remove the oxygen from the ground roasted coffee packages was the goal of this research. The glucose-oxidase/catalase enzymatic system \vas used for this purpose. In addition, vacuum packaging and the "Ageless" chemical scavenger were studied. Frozen (-18°C) vacuum stored ground roasted coffee was used as the control. Moisture, pH, total titratable acidity, soluble solids content and sensory characteristics of the beverage were determined monthly for all the samples. The variation in data was analysed, both as a function of storage time and to make a comparison between samples. It was concluded that the ground roasted coffee stored with the glucose¬oxidase/catalase enzymatic system preserved the freshness better, when compared to the other commercially used systems studied. These results are undoubtedly due to the greater effectiveness of the enzymatic system in removing oxygen from the package.
Subject: Cafe - Torrefação - Conservação
Cafe - Embalagens
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1995
Appears in Collections:FEA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Adell_EdileneAmaraldeAndrade_M.pdf2.57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.