Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/255061
Type: TESE
Title: Avaliação do consumo da casca de Passiflora edulis na prevenção e tratamento da colite ulcerativa induzida por TNBS
Title Alternative: Evaluation of Passiflora edulis peel intake in prevention and treatment of TNBS induced ulcerative colitis
Author: Cazarin, Cínthia Baú Betim, 1979-
Advisor: Maróstica Junior, Mário Roberto, 1980-
Junior, Mario Roberto Marostica
Abstract: Resumo: A doença inflamatória intestinal (DII) édoença crônica recidivante que atinge milhões de pessoas no mundo, englobando a Doença de Crohn (DC) e a Retocolite Ulcerativa (RCU). A diferença entre as duas éa sua localização, sendo a RCU específica da região do cólon e reto. O tratamento atual para estas patologias é realizado a base de corticosteróides, imunomoduladores ou anti -TNF-a, conhecido como terapia biol ógica, os quais apresentam diversos efeitos colaterais ao paciente. A patogênese desta doença está relacionada com fatores gen éticos, imunol ógicos e ambientais. Acredita-se que o desequilíbrio da microbiota, assim como a ruptura na barreira natural exercida pela mucosa intestinal seja o primeiro passo para o desencadeamento da resposta inflamatória. As fibras alimentares apresentam função sobre a modulação da microbiota, sendo utilizada como substrato para a formação de ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), gerados por meio do processo de fermentação. Em adição, os compostos fenólicos presentes nos alimentos apresentam atividade antioxidante e anti -inflamatória que podem atuar na modulação do processo inflamatório. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar a utilização de um subproduto da indústria de alimentos, a casca do maracujá, como fonte de fibras e compostos fenólicos, na alimentação de ratos com colite induzida por TNBS e sua influência no processo inflamatório. Ratos Wistar foram alimentados com dieta AIN-93, sendo substituídos 50% da celulose da dieta padrão (AIN) por fibras da casca do maracujá (PFF), em dois ensaios biológicos: prevenção e tratamento. O dano causado àmucosa foi avaliado macro e microscopicamente, assim como a expressão de marcadores inflamatórios. Avaliação da microbiota e formação de AGCC foram realizadas no conteúdo cecal. Embora a avaliação macroscópica da mucosa tenha apresentado um escore maior para o grupo PFF no ensaio prevenção, a avaliação microscópica em ambos os ensaios não mostrou diferença no dano àmucosa entre os grupos. O ensaio tratamento mostrou diminuição da peroxidação lipídica do cólon, diminuição na contagem de enterobactérias e aeróbios totais, assim como aumento de ácido acético e butírico nas fezes do grupo PFF. Jáno ensaio prevenção foi observada modulação dos lactobacilos e bifidobactérias. Com relação aos marcadores inflamatórios, foram observadas modulações significativas da expressão de IKK?, COX-2 e iNOS nos animais alimentados com a dieta PFF. Estes resultados sugerem que a casca do maracujá Passiflora edulis pode modular a microbiota aumentando a produção de AGCC, assim como a expressão de marcadores inflamatórios observados na colite induzida por TNBS. Desta forma, a casca do maracujá poderia ser utilizada como coadjuvante na terapêutica da DII como fonte de fibras e polifenóis

Abstract: Inflammatory bowel disease (IBD) is a chronic relapsing disease that affects millions of people worldwide, encompassing Crohn's disease (CD) and ulcerative colitis (UC). UC is an inflammation specific to the region of the colon and rectum. Current treatments for these diseases are based on the use of corticosteroids, immunomodulators or biological therapy, which have various side effects to the patient. The pathogenesis of IBD is related to genetic, immunological and environmental factors. It is believed that the microbial imbalance as well as natural break in the barrier exerted by the intestinal mucosa is the first step in triggering the inflammatory response. Food dietary fiber presents capacity to modulate the microbiota and improve short chain fatty acids (SCFA) formation, by fermentation process. In addition, the phenolic compounds present in the food have antioxidant and anti-inflammatory activities that can modulate the inflammatory process. Thus, this study aimed to evaluate the use of a byproduct of the food industry, the passion fruit peel, as a source of fiber and phenolic compounds in the diet of rats with TNBS-induced colitis and its influence on the inflammatory process. Wistar rats were fed a modified AIN-93 (50% of cellulose was replaced by passion fruit peel PFF) to evaluate prevention and treatment of colitis induced by TNBS. The damage to the mucosa was evaluated macroscopically and microscopically, as well as the expression of inflammatory markers. Evaluation of the microbiota and formation of SCFA in cecal contents were performed. The macroscopic appearance of the mucosa damage in the group PFF was higher than AIN in prevention trial. However, the microscopic evaluation in both trials showed no difference in mucosal damage amongst the groups. Treatment trial showed that PFF could promote a decrease in lipid peroxidation of the colon, decrease in enterobacteria and total aerobics counts, as well as increase in acetic and butyric acid in the stool. On the other hand, the prevention trial showed that the ingredient could exert modulation on lactobacilli and bifidobacteria. The inflammatory markers showed significant modulation, mainly IKK?, COX-2 and iNOS in animals fed with PFF diet. These results suggest that the passion fruit peel, Passiflora edulis, can modulate the microbiota, increase the production of SCFA, and modulate the expression of inflammatory markers observed in TNBS-induced colitis. Passion fruit peel could be used in the treatment of IBD as a source of fiber and polyphenols
Subject: Passiflora edulis
Colite ulcerativa
Microbioma gastrointestinal
Acidos graxos de cadeia curta
Atividade antiinflamatória
Language: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FEA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Cazarin_CinthiaBauBetim_D.pdf7.25 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.