Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/25495
Type: Artigo de periódico
Title: Turgescência de crisântemos após a colheita utilizando o equipamento Wiltmeter®
Title Alternative: Postharvest turgidity of chrysanthemums using the equipment Wiltmeter®
Author: Spricigo, Poliana Cristina
Ferreira, Marcos David
Calbo, Adonai Gimenez
Abstract: The main goal of this research was to determine the quality by measuring turgor in flowers stems of chrysanthemums stored in tap water and on distilled water, using the method of relative water content (RWC) and the equipment Wiltmeter®. The flower stems were harvested in a commercial field and placed randomly into unitary containers containing distilled water or tap water. In order to monitor the water status of the stems the follow analyses were done: variation of fresh mass, water absorption rate, water transpiration rate, relative water content and turgor pressure. Data were subjected to analysis of variance by F test, means were compared through the days of vase life, using Tukey test at 5% significance level. For comparison of the RWC and the turgor pressure the Pearson correlation coefficient was calculated. Flower stems kept in tap water maintained turgor significantly better than the ones maintained on distilled water. There is a correlation between turgor pressure and relative water content, which remain higher as the plant tissues are new and well hydrated. The estimate of the turgor pressure was effective and sensitive in evaluating the water status of the tissues of the stems of cut chrysanthemums.
O objetivo deste trabalho foi determinar a qualidade e mensurar a turgescência em hastes florais de crisântemos armazenadas em água potável e água destilada, utilizando o método de teor relativo de água (TRA) e o equipamento Wiltmeter® para determinação da pressão de turgescência. As hastes foram colhidas em um campo comercial de flores e acondicionadas ao acaso unitariamente em recipientes contendo água destilada ou água potável. Para acompanhar a condição hídrica das hastes, foram realizadas avaliações da variação da massa fresca, taxa de absorção de água, taxa de transpiração de água, teor relativo de água e pressão de turgescência. Os dados foram submetidos à análise de variância pelo teste F e as médias comparadas ao longo dos dias de vida de vaso, utilizando-se o teste de Tukey a 5% de significância. Para comparação do TRA e a pressão de turgescência, foi calculado o coeficiente de correlação de Pearson. As hastes mantidas em água potável obtiveram melhor resultado na manutenção da turgescência. Há correlação entre as avaliações de pressão de turgescência e o teor relativo de água, que se mantêm mais altas à medida que os tecidos vegetais estão novos e bem hidratados. A estimativa da pressão de turgescência foi eficiente e sensível na avaliação da condição hídrica dos tecidos das hastes de crisântemos cortados.
Subject: pressão de turgescência
teor relativo de água
Dendranthema morifolium
turgor pressure
relative water content
Dendranthema morifolium
Editor: Universidade Federal de Santa Maria
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0103-84782012000200012
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782012000200012
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782012000200012
Date Issue: 1-Feb-2012
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0103-84782012000200012.pdf49 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.