Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/25446
Type: Artigo de periódico
Title: Fale com eles! o trabalho interpretativo e a produção de consenso na pesquisa qualitativa em saúde: inovações a partir de desenhos participativos
Title Alternative: Talk to them! the interpretative work and the production of consensus in qualitative health research: innovations from participatory design
Author: Campos, Rosana Onocko
Abstract: This paper aims to discuss ways of working with interpretative qualitative research, following participative techniques, including validation and consensus, and narratives construction. These narratives, extracted from argument core, increase the density of the material, keeping the reliability of the history. Then the narrative is presented to the interviewed subjects (hermeneutic moment), the function of the meet is to validate data and produce intervention effects. These narrative effects should be the deepening of issues in need of further discussion, not previously well explored. In the interpretation process, hidden meanings are not investigated; without denying the existence of the latent, the explicit was chosen because the ethical-political positioning of the research (involvement and evaluative position of subjects). Finally, the consensus construction is revised to fit the principles of inclusion and diversity, obtained via Workshop (with discussions, positioning reviews of agreements and disagreements). The value of testimony is pointed out as an empowerment strategy.
O objetivo deste artigo é discutir uma forma de se trabalhar com pesquisa qualitativa interpretativa, a partir de técnicas participativas, incluindo validação e produção de consenso, e a construção de narrativas. As narrativas, construídas pelos pesquisadores, seguindo os núcleos argumentais, tornam o material denso, mantendo-se fiel à história. Em um segundo momento, esta narrativa é apresentada aos sujeitos entrevistados (momento hermenêutico), com a função de validar os dados e produzir efeitos de intervenção. Estes efeitos de narratividade são evidenciados no aprofundamento das questões ou temas pouco desenvolvidos na primeira discussão. No processo de interpretação, não se buscam significados por trás do texto, senão que se procura colocar o mundo (nossas questões) na frente dele, não negando com isso a existência do latente, mas optando-se pelo manifesto em virtude do posicionamento ético-político da própria pesquisa (implicação e olhar avaliativo dos sujeitos da pesquisa). Por fim, a construção de consenso é revista para se adequar aos princípios da inclusão e da diversidade, e se chega a ele via espaço de heterogeneidade de participantes, que chamamos de oficina de construção de consenso, com discussão, revisão de posicionamentos, encontros e discordâncias. Aponta-se o valor de mediação do testemunho de pacientes e familiares como uma forma especial de empoderamento.
Subject: pesquisa qualitativa
pesquisa participativa baseada na comunidade
metodologia
narrativa
pesquisa avaliativa
qualitative research
community-based participatory research
methodology
narrative
evaluation research
Editor: IMS-UERJ
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0103-73312011000400006
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312011000400006
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73312011000400006
Date Issue: 1-Dec-2011
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0103-73312011000400006.pdf921.26 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.