Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/254043
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Trabalho como princípio educativo : a história do debate no contexto brasileiro
Title Alternative: Work as an educational principle : the history of the debate in the Brazilian context
Author: Teixeira, Ana Laura da Silva, 1987-
Advisor: Noronha, Olinda Maria, 1946-
Abstract: Resumo: O presente estudo tem como objetivo trazer a conhecimento os debates realizados em torno do conceito do trabalho como princípio educativo, sendo esse um construto teórico elaborado por Gramsci, e que vemos também em Saviani grandes apropriações. Para tanto, realizamos uma exposição das bases materiais brasileiras, em um recorte histórico feito da década de 1980 até os dias atuais, escolhido, devido ao fato do debate ter se iniciado nessa época, e ao longo da história ter se apresentado ora com maior, ora com menor visibilidade. Também explanamos sobre como se configura a educação nesse período, para que possamos entender em que contexto se dá a elaboração desses trabalhos. Como referencial metodológico, utilizamos o materialismo histórico dialético, por entender que, as condições materiais traçadas ao longo da história em nosso país nos permitem compreender as causas desse debate. O objetivo central é mostrar como se deu a trajetória desses aspectos em território nacional, mencionando alguns dos expressivos pensadores acerca do tema, entre eles: Paulo Sergio Tumolo, Sérgio Lessa, Ademir Quintilio Lazarini, Daniel Rodrigues e João Batista Zanardini. O debate tem como contexto de surgimento a década de 1980 após a ditadura militar, emergindo diante dos meios de veiculação das ideias pedagógicas, sendo que, nesse período não houve um debate propriamente dito, em que se confrontassem essas ideias, configurando-se assim, como um período de elaboração dessas ideias contra-hegemônicas. Conclui-se que, a partir da década de 1990, até os dias atuais, analisamos um contexto de profunda crise nas políticas públicas brasileiras, com o fracasso do socialismo real e a adesão brasileira aos ditames neoliberais, e a isso atribuímos o arrefecimento da discussão em torno do trabalho como princípio educativo, bem como o surgimento de algumas críticas que a ele se referem. Entretanto, essas críticas não propõem soluções práticas, de maneira que a classe trabalhadora possa se organizar mediante a aquisição de um conhecimento sistematizado, diferente disto, até o presente momento têm apenas fomentado publicações no meio acadêmico, e pouco contribuído para a construção de uma educação de qualidade

Abstract: This study aims to bring knowledge to the discussions around the concept of work as an educational principle, making a theoretical construct elaborated by Gramsci, and that we also see in Saviani large appropriations. To this end, we held an exhibition of Brazilian material bases on a historical portrait done of the 1980s to the present day, chosen due to the fact of having begun debate at that time, and throughout history have presented here more, now less visible. Also expounded on how to configure education in this period, for us to understand in what context gives himself to the preparation of these works. As methodological framework, we will use the dialectical historical materialism, understanding that the material conditions traced throughout history in our country allow us to understand the causes of this debate. The main objective is to show how was the trajectory of these aspects in the country, mentioning some of the significant thinkers on the subject, among them: Paulo Sergio Tumolo, Sergio Lessa, Ademir Quintilio Lazarini, Daniel Rodrigues and João Batista Zanardini. The debate has as contexto of outset the 1980s after the military dictatorship, emerging on the means of disclosure of the pedagogical ideas, and in this period there was no proper debate in which confront these ideas, and has thus, as a period of elaboration these counter-hegemonic ideas. It is concluded that , from the 1990s to the present day, we analyse the context of deep crisis in Brazilian public policies, with the failure of socialism and the Brazilian adherence to the neoliberal dictates, and this we attribute the cooling the discussion around work as an educational principle, as well as the emergence of some criticism that refer to it. However, these criticisms do not propose practical solutions so that the working class can be organized through the acquisition of systematized knowledge, different from this, until the present moment,has only fostered publications in academic circles, and little contributed to the construction of a quality education
Subject: Educação para o trabalho
Trabalho - Educação - Brasil
Materialismo histórico
Materialismo dialético
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Teixeira_AnaLauradaSilva_M.pdf971.33 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.