Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253955
Type: TESE
Title: Atribuição causal para o sucesso e o fracasso em ensinar e eficácia coletiva de professores
Title Alternative: Causal attribution for the sucess and failure in teaching and belief of collective efficacy of teachers
Author: Kaulfuss, Marco Aurélio, 1973-
Advisor: Boruchovitch, Evely, 1961-
Abstract: Resumo: Kaulfuss, Marco Aurélio. (2014). Atribuição causal para o sucesso e fracasso em ensinar e crença de eficácia coletiva de professores. Dissertação de Mestrado, Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas. A importância da atribuição causal em contextos de desempenho relacionados ou não à Educação está bastante consolidada na literatura e encontra forte amparo teórico no que se refere à sua influência na atuação docente. O construto da eficácia coletiva já se delineou como um importante determinante das práticas e percepções de professores. Neste sentido, a presente pesquisa teve como objetivo investigar essas duas variáveis e suas possíveis correlações junto a um grupo de 153 professores, de ambos os gêneros, atuantes em dois municípios do interior de São Paulo. Para a coleta de dados, foram utilizados dois instrumentos em formato de escala do tipo Likert, sendo um para o levantamento das atribuições causais dos docentes em relação ao seu sucesso ou fracasso em ensinar e outro para identificação do seu nível de eficácia coletiva. Os dados foram analisados de acordo com os procedimentos da estatística descritiva e inferencial. Os professores que atuam no município A tendem a atribuir maior internalidade e estabilidade para o próprio fracasso, quando comparados aos do B. Professores com mais idade atribuem causas incontroláveis para o sucesso e os com maior tempo de atuação atribuem causas internas e instáveis para o sucesso. Os docentes que atuam no nível fundamental I tendem a perceber as causas do seu sucesso como menos controláveis e estáveis e mais internas, em comparação aos professores de nível fundamental II e estes atribuem seu fracasso mais a causas incontroláveis, externas e instáveis. Verifica-se correlação significativa positiva entre eficácia coletiva e escores de atribuições causais para sucesso em termos das dimensões da causa como: controlabilidade, incontrolabilidade, internalidade, externalidade e instabilidade. Também houve correlação significativa e negativa entre os escores na escala de eficácia coletiva e na de atribuições causais para fracasso nas dimensões de controlabilidade, incontrolabilidade, internalidade, externalidade e instabilidade. Os resultados obtidos na presente pesquisa merecem atenção e sinalizam a necessidade de outras perspectivas de investigações em amostras maiores e mais representativas que busquem identificar não só as correlações da eficácia coletiva com a atribuição causal, mas também que possam esclarecer como o feedback obtido pelos professores como grupo pode influenciar a sua autoeficácia e eficácia coletiva. Assim, recomenda-se que futuras pesquisas atentem para os índices obtidos, nas escolas, pelas avaliações formais, tais como o IDEB, a identificação dos processos de comunicação nas organizações escolares, o modelo de gestão assumido, o desenvolvimento de indicadores institucionais, os sistemas de reconhecimento e valorização adotados, entre outras possibilidades

Abstract: Kaulfuss, Marco Aurélio. (2014). Causal attribution for success and failure in teaching and the belief of collective efficacy of teachers. Master¿s qualification report, Faculty of Education, State University of Campinas, Campinas. The importance of causal attribution in contexts of performance, whether related to Education or not, is very well established in the literature and finds strong theoretical support regarding its influence on teaching practice. The construct of collective efficacy has already been outlined as an important determinant of the practices and perceptions of teachers. In this sense, the present study aimed to investigate these two variables and their possible correlations among a group of 153 teachers, of both sexes, working in two counties of a city in the state of São Paulo. For the data collection, two instruments were used in Likert type scale format, one for the evaluation of the causal attributions of the teachers in relation to their success or failure in teaching and another for the identification of their belief of collective efficacy. The data were analyzed according to inferential and descriptive statistical procedures. The teachers who worked in the municipality A tended to attribute greater internality and stability to their own failure, when compared to B. Older teachers attributed uncontrollable causes to their success and those who had practiced longer attributed internal and unstable causes to their success. The teachers who worked at elementary level I tended to perceive the causes of their success as less controllable and stable, and more internal, compared to the teachers of elementary level II, who attributed their failure more to uncontrollable, external and unstable causes. A significant positive correlation emerged between collective efficacy and scores of causal attributions for success in terms of the dimensions of the cause, such as: controllability, uncontrollability, internality, externality, and instability. There was also a significant negative correlation between the collective efficacy scale scores and the causal attributions for failure in the dimensions of controllability, uncontrollability, internality, externality, and instability. The results obtained in this study deserve attention and indicate the need for studies from other perspectives with larger, more representative samples, which not only seek to identify the correlations of collective efficacy with causal attribution, but also to clarify how the feedback obtained by the teachers as a group can influence their self-efficacy and collective efficacy. Thus, it is recommended that future studies investigate the indices obtained in the schools through formal evaluations, such as the IDEB, the identification of the communication processes in the school organizations, the management model assumed, the development of institutional indicators, and the recognition and valuation systems adopted, among other possibilities
Subject: Atribuição de causalidade
Eficácia no ensino
Fracasso escolar
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Kaulfuss_MarcoAurelio_M.pdf1.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.