Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253727
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: A transição a aposentadoria, na percepção de professores recem-aposentados da Universidade Federal do Espirito Santo
Author: Deps, Vera Lucia
Advisor: Neri, Anita Liberalesso, 1946-
Neri, Anita Liberalesso
Abstract: Resumo: O primeiro semestre de 1991 caracterizou-se por grande evasão, em decorrência de aposentadoria, de professores que trabalhavam nas Universidades Federais brasileiras. Este fato despertou o interesse para o presente estudo, que enfoca o evento aposentadoria na percepção de professores recém-aposentados da Universidade Federal do Espírito Santo. É importante destacar que as aposentadorias ocorre ram sob mudanças e ameaças de mudanças na legislação brasileira referentes à mesma. Para análise da transição à aposentadoria utiliza se o modelo teórico de adaptação à transição elaborado por Schlossberg (1981), adaptado à realidade observada, que engloba características relacionadas à transição em si mesma, aos ambientes de pré e de pós transição, bem como ao próprio indivíduo. Nesta análise destacam-se as seguintes variáveis: fatores determinantes de aposentadoria, percepção de ganhos e perdas, e satisfação no trabalho desenvolvido, com o objetivo de analisar a compreensão dos sujeitos da pesquisa a respeito da transição à aposentadoria. Como instrumento de coleta de dados foi utilizado um questionário, aplicado com a colaboração de ex-alunas do curso de Pedagogia da UFES. Este estudo é descritivo, essencialmente de natureza qualitativa, com complementação de análise quantitativa de dados. Para a análise das informações obtidas, inicialmente foram feitas transcrições das respostas correspondentes às perguntas abertas do questionário aplicado. Em seguida, os dados foram organizados em categorias e subcategorias, por semelhanças de seus conteúdos, de acordo com a literatura especializada. Neste processo estabeleceu-se categorias de valor com base na escala de valores elaborada por Thurnher (1975). A distribuição de freqüência e percentagem de todas as respostas, permitiu o direcionamento da etapa seguinte, destacando aqueles aspectos de maior relevância. Os resultados obtidos via análise de conteúdo e via tratamento estatístico, evidenciaram os seguintes aspectos: Os fatores coercitivos ou relacionados à mudança na legislação federal, foram os de maior determinação na decisão de aposentadoria destes professores universitários. Entretanto, o fator "perda de estabilidade no emprego", para as pessoas de idade abaixo de 60 anos, foi menos determinante em comparação à possibilidade de vir a exercer outra ocupação ou de iniciar outra carreira. A maioria das pessoas, estavam satisfeitas ou muito satisfeitas com o trabalho que vinham desenvolvendo na Universidade. Os motivos de satisfação decorriam predominantemente de aspectos intrínsecos ao exercício do magistério. Os motivos de insatisfação mencionados eram de natureza contextual (institucional e macroestrutural). pesquisa evidenciou que a maior evasão de docentes ocorreu naqueles Centros onde trabalhavam os professores que desempenhavam essencialmente atividade de magistério e que revelaram maior satisfação no trabalho desenvolvido. Isto demonstra que as mudanças na legislação brasileira afetaram primordialmente os profissionais que exerciam exclusivamente atividade de magistério, o que indica um agravamento na crise da Educação brasileira. Os resultados deste estudo demonstraram também que as categorias de valor que exprimem ganhos e perdas decorrentes da aposentadoria são coexistentes, indo ao encontro das afirmações de Baltes (1984), que vê o desenvolvimento como um processo contínuo de equilibração entre ganhos e perdas. No cômputo geral o sentimento de ganho com a aposentadoria sobrepujou o de perda. Este resultado é coerente com as respostas relacionadas à experiência pessoal de aposentadoria, onde o sentimento de satisfação predominou sobre o de insatisfação. Entretanto, para algumas poucas pessoas, os ganhos e as perdesse equilibram, ou se encontram no mesmo nível, e ainda, para uma minoria, houve dificuldade em avaliar a aposentadoria em termos de ganhos e de perdas. As expectativas destas pessoas relacionadas a valores se assemelham às suas percepções de ganhos. Este estudo descreve também o significado para estes professores aposentados de ganhos e de perdas decorrentes da aposentadoria, bem como o significado de outros sentimentos expressos em relação à mesma. Constatou-se também alusões de caráter espontâneo à saúde em geral, reforçando a literatura especializada, que afirma ser a saúde um aspecto importante no trato da aposentadoria. o tratamento estatístico das relações entre as variáveis evidenciou uma diferença qualitativa nas percepções de aposentadoria como ganho e como perda. Esta diferença decorre das ênfases atribuídas aos valores expressos entre os grupos que apresentaram características distintas (faixa de idade, sexo, estado civil, titula ção, atividade remunerada fora da Universidade, coação à aposentadoria, satisfação no trabalho e apoio das pessoas próximas). Há também uma diferença quantitativa entre os mesmos relacionada 'ao maior ou menor número de valores prioritários, e, em alguns casos, inexistência desta evidência entre os vários valores expressos. Com base no modelo de adaptação à transição e de acordo com a literatura especializada, descreveu-se sobre aspectos que poderão facilitar ou dificultar a adaptação destes indivíduos em suas transições à aposentadoria. A adaptação a esta transição, em última instância, dependerá do próprio indivíduo: será facilitada mediante os recursos que ele dispuser para superar seus déficits; se estes sobrepuserem-se aos recursos, a adaptação se tornará mais difícil. Espera-se que os aspectos salientados possam contribuir para a reflexão e planejamento daqueles que se preparam para a transição à aposentadoria, e também ofereçam subsídios ao trabalho dos profissionais que atuam na área. Espera-se ainda que o estudo contribua para se repensar a educação, incentive investigações relacionadas ao contexto das Universidades brasileiras e relacionadas ao evento aposentadoria

Abstract: The first semester of the year 1991 testified great outgoing of professors linked to the brazilian Federal Universities, due to their retirement. This fact arouse the interest in making the present study, which focuses on the issue retirement within the recently retired professors perception at the Federal University of Espirito Santo State. It is important to highlight that the retirement processes were held in face to changes and threats of changes in the brazilian retirement laws. To analyse the transi tion to retirement, I am basing in the adaptation to transition theoretical model created by Schlossberg (1981), and adapted to the observed reality, which embraces characteristics related with the transition itself, with the pre and post transition environments, and with the individual itself. In this analysis I deatch the folloing variables: determining factor for retirement, perception of gains and losses and satisfaction with the work being done, with the scope of analysing the research subjects comprehension of the transition to retirement. As a data collecting instrument it was presented a questionary, with the cooperation of former students of the Pedagogy Courses at UFES. his is a descriptive study, essentially qualitative in nature, complemented by quantitative analysis of data. To analyse the given informations, at first a transcription of responses corres ponding to the open questions of the questionary was made. Then, the data were organized in categories and sub categories, according to the similarity of contents, as indicated in the specialized literature. In this process value categories were established based on the value scale created by Thurnher (1975). The distribution of frequency and per cent of every response, led 'to the following stage, detaching the most relevant aspects. The results obtained through the analysis of contents and statistical treatment, threw evidence on the following as pects: The coerci ve factors or those related to the changes in the federal law, were the most determinant in the decision made by the professors to retire. Nevertheless, the factor "loss of stability in employment", for people with ages under 60 years old was less determinant in comparison with the possibility of changing profession or initiating another career. Most of people were satisfied or very satisfied with the work they were developing at the University. The motives of that satisfaction were due mostly to intrinsic aspects of the teaching profession. The motives for insatisfaction mentioned were contextual (institutional and macro-estructural) . The research showed that the major outgoing of professors took place in those Centers lodging professors whose activity was essentially teaching and who revealed to be the most satisfied with that work. This demonstrates that changes in the brazilian law affected mainly the professionals who were exclusively teaching, which indicates a burdening in the crisis of brazilian Education. The results of this study demonstrate also that the value categories that express gains and losses emerging from retirement coexists, confirming the affirmations ma de by Baltes (1984) who sees the development as a continuous process of equilibrium between gains and losses. In the general average the feeling of gain with retirement outbid that of loss. This result is coherent with the responses related to the personal retirement experience, where the sentiment of satisfaction overcame that of insatisfaction. Nevertheless, for some few peopIe, gains and losses arê equilibrated or at the same leveI, and, for a minority, it was difficult to evaluate retirement in terms of gains and losses. The expectation of these people in relation to values are similar to their perception of gains. This study describes, also, the meaning of gains and losses due to retirement for these professors, as well as the meaning of other expressed feelings related to it. Expontaneous allusions to general health were observed too, reinforcing the specialized literature which states that health is an important aspect in the retirement issue. The statistical treatment given to relation among variables turned evident a qualitative difference in the perceptions of retirement as gain or loss. This difference is a consequence of the emphasis attributed to the expressed values amongst groups which showed different characteristics (age, sex, status, degree, remunerated acti vity out of the University, pressures to retirement, satisfaction at work and support from related persons). There is also a quantitative difference between them related to the more or less number of priorita rian values and, in some cases, the inexistence of this evidence amongst the several expressed values. Based on the adaptation to tansition model and according to the specialized literature, some aspects are described that could make those individual's adaptation easy or uneasy in their transitions to retirement. The adaptation to this transition, at last, will depend upon the individual itself: it will be facilitated in dependence of the resources that he has to overcome his deficitsj if these overcame the resources, the adaptation will be more difficult. It is expected that the detached aspects can contri bute for the reflection and planning of those who prepare themselves for the transition to retirement and that it also can subsidy the work of professionals acting in the area. It is expected that the study can contribute to a rethinking of education, encourage researches related to the brazilian Universities context and related to the retirement issue
Subject: Aposentadoria - Atitudes
Professores universitarios - Aposentadoria
Universidades e faculdades - Corpo docente
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1994
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Deps_VeraLucia_D.pdf7.44 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.