Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253709
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: O trabalho como principio articulador da teoria/pratica : uma analise da pratica de ensino e estagios supervisionados na habilitação magisterio do curso de pedagogia da FE/UNICAMP
Author: Freitas, Helena Costa Lopes de, 1946-
Advisor: Saviani, Dermeval, 1944-
Abstract: Resumo: O trabalho analisa o desenvolvimento da disciplina Prática de Ensino e Estágios Supervisionados na Habilitação Magistério do Curso de Pedagogia da FE-UNICAMP. durante o ano de 92. a partir do trabalho de estágio das alunas nas escolas públicas de 1º e 2º graus. Compreendendo a necessidade de situar a disciplina no quadro maior do curso de Pedagogia. analisam-se as diferentes reformulações de curso. desde 1979. na FE-UNICAMP. e a trajetória do movimento dos educadores. tomando o trabalho docente e a relação teoria-prática como categorias de análise que permitem identificar a aproximação/afastamento do curso da realidade do trabalho pedagógico da escola de 1º e 2º. graus, como articulador na formação do professor de 1º a 4º. séries das séries fundamentais e de 2º grau. Analisa-se o movimento das alunas na Prática de Ensino e nos Estágios: o momento da chegada na disciplina. as diferentes formas de aproximação da realidade da escola. a elaboração da proposta de trabalho de estágio, sua realização nas condições da escola pública de 1º. grau, e as possibilidades/dificuldades de produção e elaboração teórica sobre as condições em que se desenvolve o trabalho pedagógico escolar. nas séries fundamentais do 1º grau. Neste movimento, analisam-se, ainda, as contradições presentes no trabalho das alunas: o trato com o conhecimento escolar. A compreensão das formas de trabalho com as crianças e a avaliação. O trabalho de estágio no 2º grau examina as possibilidades de produção/elaboração teórica sobre o 1º grau e as tentativas de articulação teoriaprática na elaboração da proposta de trabalho para a HEM de 2º. grau. A análise do trabalho das alunas. permite chegar a aproximações e a algumas conclusões. As dificuldades e possibilidades colocadas pelo trabalho dos alunos. na escola pública, estão ligadas à forma como se estrutura o currículo do curso de Pedagogia que separa teoria e prática. reservando aos estágios o "momento da prática" e de articulação com os conhecimentos teóricos. Apesar das contradições presentes no processo de formação. aponta-se para a perspectiva de se colocar o trabalho como eixo articulador da relação teoria-prática. no interior do curso. trazendo o aluno para vivenciar o processo de trabalho pedagógico qa escola desde o início de sua formação e introduzindo-o no universo da pesQuisa pela sua atividade prática. O estudo tenta superar a visão meramente distributiva dos estágios ao longo do curso. deslocando o debate para a natureza desta disciplina. no contexto da formação do educador. A problemática sugere a necessidade de aprofundamento dos estudos sobre a relação educação-trabalho no processo de formação dos profissionais da educação. seja do ponto de vista teórico. seja nas suas relações com a estrutura da Universidade e com o fortalecimento da "formação continuada" deste profissional - sem deixar de considerar os limites do momento histórico.
Subject: Educação - Estudo e ensino - Estágios
Escolas normais - Estudo e ensino - Estágios
Ensino de primeiro grau - Estágios
Ensino de segundo grau - Estágios
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1993
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Freitas_HelenaCostaLopesde_D.pdf18.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.