Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253364
Type: TESE
Title: Linguagem, ideologia e conhecimento : novas perspectivas para se compreender o jornalismo
Author: Oliveira, Sabrina Moreira de Morais
Advisor: Banks-Leite, Luci, 1944-
Leite, Luci Banks, 1944-
Abstract: Resumo: A partir da compreensão dialética e histórica acerca da linguagem e do conhecimento, esse trabalho analisa as perspectivas assumidas com relação a esses conceitos pelas propostas teóricas que definem o que é o jornalismo e que constam na bibliografia do programa da disciplina Redação e Expressão em Jornalismo do curso de Comunicação Social - Jornalismo da Universidade Federal de Goiás (programa que vigorou até 2003). Procurou-se mostrar como essas teorias definem a maneira pela qual o jornalismo influencia a sociedade e como é discutido, em enfoques por vezes antagônicos, o papel que a ideologia desempenha na linguagem e na constituição do conhecimento. De fato, essas posições ou propõem que o jornalismo apenas manipula o público de acordo com os interesses das classes hegemônicas, ou apenas veiculam formas de conhecimento social, que como todas as outras formas de conhecimento, são parciais, ou seja, não compreendem a totalidade dos fenômenos sociais. Além disso, as respostas de alunos do 4º ano de jornalismo (ano 2001) da referida Universidade à pergunta ¿o que é jornalismo?¿ também foram analisadas, o que tornou possível evidenciar a aceitação das principais idéias veiculadas pelos livros do programa

Abstract: Based on a dialectic and historical perspective in relation to language and knowledge, this research analyses the views which underlie these concepts in the theoretical proposals that define what Journalism is, as found in the recommended bibliography of the subject ¿Redação e Expressão em Jornalismo¿ in the Social Communications ¿ Journalism course of the Universidade Federal de Goiás (such a program lasted until 2003). Our aim is to show how those theories define the way through which Journalism influences society and how it discusses - sometimes with opposing focuses -, the role which ideology plays in language and knowledge construction. In fact, those conflicting positions either propose that Journalism merely manipulates the public according to the interests of the hegemonic classes, or simply conveys forms of social knowledge, which as any other way of knowledge, are partial, that is, they do not apprehend the full spectrum of social phenomena. Adding to that, the answers of 4th year Journalism students (year 2001) of the aforementioned University to the question ¿What is Journalism¿ were also analysed, making it possible to illustrate the acceptance of the main ideas conveyed in the textbooks adopted by the course
Subject: Objetividade
Manipulação (Psicologia)
Educação
Jornalistas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_SabrinaMoreiradeMorais_M.pdf899.8 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.