Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253294
Type: TESE
Title: A musica na escola : um privilegio dos especialistas? - concepções dos professores sobre o talento musical e a musica na escola e a representação grafica do som de crianças de 3 a 6 anos de idade
Author: Abrahão, Ana Maria Paes Leme Carrijo
Advisor: Assis, Orly Zucatto Mantovani de, 1939-
Abstract: Resumo: A presente pesquisa pretende discutir a importância das atividades musicais para o trabalho com crianças no cotidiano da escola. Apresenta uma avaliação qualitativa intitulada rede semântica natural proposta por Figueroa, González e Solís (1981) sobre a concepção dos professores de educação infantil e ensino fundamental 1º e 2º ciclos de talento musical e a importância da música no ambiente escolar. Os resultados confirmam o julgamento, muito freqüente, do privilégio de poucos ¿dotados¿ de talento nato para o fazer musical e revela um reconhecimento das contribuições da música para o desenvolvimento cognitivo, afetivo, social e motor das crianças, embora as concepções dos professores sobre a música na escola não apresentem categorias que envolvam a prática musical como o cantar, tocar ou fazer música. Esses resultados provocaram algumas necessidades. Para tanto, pretendeu-se conhecer o processo de construção das noções musicais em crianças de educação infantil e propor um caminho de reflexão sobre as possibilidades musicais comum a todos. Assim, o estudo apresenta o registro gráfico do som realizado por crianças de 3 a 6 anos de idade que visa analisar à luz da psicologia genética o processo de representação gráfica do som e sua relação com a natureza da inteligência. Foram propostas duas observações, uma do ambiente sonoro da escola e outra da percepção de quatro instrumentos musicais: o par de cocos, o metalofone, a queixada e a flauta doce. Os estudos permitiram observar uma evolução do registro do som que parte das garatujas, sem semelhanças com os sons emitidos, passando pelo registro da fonte sonora, inicialmente sem nenhum sinal acompanhando o corpo do objeto e posteriormente com sinais que indicam o som como um prolongamento do objeto sonoro. Algumas representações apresentaram a evocação de objetos ausentes, características nas crianças pré-operatórias. Os registros mais evoluídos apresentaram o som desligado da fonte sonora se mantendo estável pela generalização do significante para um mesmo significado, caracterizando a passagem de símbolo para signo. A partir dessas observações, pôde-se concluir que a compreensão dos signos musicais exige a construção de estruturas mentais, fruto das explorações e invenções organizadas e criadas pelas crianças em contato com os elementos sonoros e das possibilidades de transformação do invisível para visível por meio da escrita, relacionando os signos arbitrários e convencionais às suas experiências anteriores. À guisa de conclusão, são apresentadas algumas reflexões sobre as práticas musicais decorrentes da exploração sonora e de suas representações escritas, possíveis de serem realizadas por qualquer profissional da educação, independente de ser ou não um especialista em música

Abstract: The present research intends to argue the importance of the musical activities for the work with children in the daily one of the school. It presents a qualitative evaluation intitled net natural semantics proposal for Figueroa, González and Solís (1981) on the conception of the professors of infantile education and basic education 1º and 2º cycles on musical talent and the importance of music in the pertaining to school environment. The results confirm the judgment, very frequent, of the privilege of few "endowed" with born talent to make musical comedy and disclose a recognition to it of the contributions of music for cognizance, affective, social and motor the development of the children, even so the conceptions of the professors on music in the school do not present categories that involve the practical musical comedy as singing, touching or to make music. These results had provoked some necessities. For in such a way, it was intended to know the process of construction of the musical slight knowledge in children of infantile education and to consider a reflection way on the musical possibilities common to all. Thus, the study it presents the graphical register of the sound carried through for children of 3 the 6 years of age that it aims at to analyze to the light of genetic psychology the process of graphical representation of the sound and its relation with the nature of intelligence. Two comments environment the school the sonorous another one of the perception of four musical instruments had been proposals, one of and: the pair of coconuts, metalofone, the jaw and the flute candy. The studies had allowed to observe an evolution of the register of the sound that has left of garatujas, without similarities with the emitted sounds, passing for the register of the sonorous source, initially without no signal following the body of the object and later with signals that indicate the sound as a prolongation of the sonorous object. Some representations had presented the absent, characteristic object mandate in the children daily pay-operative. The evolved registers more had presented the off sound of steady the sonorous source if keeping for the generalization of the significant one for one exactly meant, characterizing the ticket of symbol for sign. To leave of these comments, it could be concluded that the understanding of the musical signs demands the construction of mental structures, fruit of the explorations and inventions organized and created for the children in contact with the sonorous elements and of the possibilities of transformation of the invisible one for visible by means of the writing, relating the arbitrary and conventional signs to its previous experiences. To it stews of conclusion, are presented some reflections on the practical decurrent musical comedies of the sonorous exploration and its written, possible representations to be carried through for any professional of the education, independent of being or not a specialist in music
Subject: Som - Registro e reprodução
Construtivismo (Educação)
Música - Instrução e estudo
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Abrahao_AnaMariaPaesLemeCarrijo_M.pdf8.75 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.