Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/253186
Type: TESE
Title: Resistencia e praticas pedagogicas
Author: Bedendi, Teresa do Carmo Ferrari
Advisor: Nascimento, Clara Germana de Sa Gonçalves, 1937-
Abstract: Resumo: Nosso trabalho analisa como as reformas educacionais, em especial as curriculares, são recebidas e interpretadas no cotidiano escolar, pela forma como são elaboradas, divulgadas e implementadas pelos órgãos públicos dirigentes, ao considerarem os profissionais da educação como recursos e não como agentes nesse processo. Dessa forma, enfocamos o universo escolar e docente de uma Escola de Ensino Fundamental (1a à 4a séries) do interior do estado de São Paulo, dentro de uma abordagem qualitativa de pesquisa, envolvendo 13 professores e 03 diretores de escola que ali atuam ou atuaram no espaço de tempo entre a promulgação da nossa primeira (1961) e da atual (1996) LDB - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Tivemos a oportunidade de analisar como esses profissionais, inseridos na cultura da escola produzida por uma complexa trama de relações sociais e tradições docentes, que a tomam singular e original, interpretam e reinterpretam os documentos curriculares oficiais, nas condições concretas na qual a prática pedagógica vai sendo construída. Adotamos um estudo histórico da constituição do sistema escolar brasileiro para chegar à escola que hoje temos, cujo cenário traz à tona aspectos ideológicos do processo político-econômico-cultural das reformas educacionais e das culturas escolares, com suas tensões e relações dialéticas. Evidencia-se também, nesse estudo, o papel do currículo oficial como um instrumento de controle ideológico o que toma as práticas pedagógicas um espaço de conflitos, marcado pela acomodação, reprodução e resistência, frente às mudanças propostas por determinações legais

Abstract: The purpose of this work is to analyse how educational reforms, mainly those related to the curriculum, are receveid and interpreted in educational routine, and how they are created, disclosed and implemented by the director public entities, which consider educational workers as resources and not as agents in that processo Thus, we enfoque the educational ambient of a Primary School, which is located in São Paulo state, and we envolve 14 teachers and 03 school directors, who worked or still work there, in the period between promulgation of our first (1961) and last (1996) LDB - Bases and Directions Law of National Education. We had the opportunity to analyse how those professionals, who act in a school culture producted by a complex web of social relations and teaching traditions, interpret the oficiais documents which base the school curriculum. Besides that, we did a hystorical perform related to the brazilian educational system constitution, to arrive in the present school. This work permited us to comprehend the hystorical phenomenon of politics-economicsculturais changes of school and teaching, which is essencial to percept the tensions and dialectics ideologies, that are originated by the hegemonic ideology. This struggled situation makes the oficial curriculum a control instrument and transforms teaching practices in a conflict space, characterized by accommodation, reproduction and resistence, in opposite of reforms determined by law
Subject: Escolas
Cultura
Prática de ensino
Curriculos - Mudança
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Bedendi_TeresadoCarmoFerrari_M.pdf8.98 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.