Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/252960
Type: TESE
Title: Impasses, resistencia e singularidades na construção de projetos politico-pedagogicos : as formas de enfrentamento na implementação das politicas de formação dos profissionais da educação na UFPB
Author: Porto, Rita de Cassia Cavalcanti
Advisor: Freitas, Helena Costa Lopes de, 1946-
Abstract: Resumo:Esta tese tem como objetivo geral compreender as relações que se estabelecem entre a política nacional de formação dos profissionais de educação, o movimento dos educadores, representado pela Associação Nacional pela Formação dos Profissionais de Educação (ANFOPE), e a construção dos projetos político-pedagógicos (PPPs) dos cursos de licenciatura de instituições públicas, focalizando a Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Analisa, assim, as implicações da política nacional e do movimento dos educadores para as práticas e formas de resistência usadas pelos educadores da UFPB no processo de construção dos PPPs dos seus cursos. Entre as técnicas de pesquisa, utiliza Grupo Focal (GF) na perspectiva de multimétodo - aliando grupos de discussão, entrevistas semi-estruturadas, observação e análise documental que visam reunir informações primárias e secundárias para expressar a complexidade do processo de construção e implementação de política institucional que orientou as práticas de elaboração dos PPPs dos cursos de licenciatura da UFPB, no período compreendido entre os anos de 1993 a 2000. A análise apresenta os principais resultados alcançados, tornando explícitas as singularidades da política institucional de formação de educadores pelo exame do caso da UFPB, como parte de um processo histórico no qual são geradas as políticas públicas. A temática, política de formação do educador, se insere no conjunto de trabalhos desenvolvidos pelo Laboratório de Observação e Estudos Descritivos (LOED) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)

Abstract: The main objective of this doctoral thesis is to understand the relations that are established among the national policies for the formation of education professionals, the educators¿ movement - represented by the National Association for the Formation of Education Professionals (ANFOPE), and the construction of political-pedagogic projects (PPP) in the licenciatura courses of public institutions, focusing the Federal University of Paraíba (UFPB). Therefore, it analyses the implications of the national policy and the educators¿ movement to the practices and forms of resistance used by the UFPB educators in the process of constructing PPPs of its courses. Among the research techniques, it has been used the Focus Group (GF) under a multi-methods perspective ¿ including discussion groups, semi-structured interviews, observation and documental analysis - that aim at gathering primary and secondary information to express the process¿ complexity in constructing and implementing the institutional policy that orients the practices to elaborate the licenciatura courses¿ PPPs at UFPB, during the 1993-2000 period. The analysis presents the main results reached, highlighting the singularities of the Institutional Policies for the educators¿ formation through the UFPB case study, as part of a historical project in which the public policies are generated. The chosen theme: educators¿ formation policy, is inserted in the roll of works developed by the Laboratory of Observation and Descriptive Studies (LOED) from the State University of Campinas (UNICAMP)
Subject: Educação e Estado
Professores - Formação
Projeto pedagógico
Resistência
Educadores - Movimento
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2007
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Porto_RitadeCassiaCavalcanti_D.pdf2.84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.