Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/252504
Type: TESE
Title: Cooperativas populares : representações sociais, trabalho e envelhecimento
Author: Patrocinio, Wanda Pereira
Advisor: Gohn, Maria da Gloria Marcondes, 1947-
Abstract: Resumo: A presente pesquisa teve como objeto de estudo desvelar a realidade de trabalhadores e trabalhadoras com idade igual ou superior a 50 anos em cooperativas populares localizadas na cidade de Campinas, SP; além de realizar uma reflexão sobre a questão do envelhecimento no mundo do trabalho e da produtividade. A metodologia utilizada apoiou-se em uma abordagem quantitativa ¿ qualitativa.Tratou-se, num primeiro momento, de realizar um mapeamento socioeconômico destes trabalhadores; para tanto, realizamos um levantamento quantitativo de cada cooperativa em estudo. A segunda parte correspondeu em identificar quais as representações sociais que essas pessoas tinham delas ¿ como trabalhadores e trabalhadoras que estão envelhecendo dentro das cooperativas populares ¿ e do próprio trabalho dentro do ambiente cooperativo, conseqüentemente, identificamos os anseios e necessidades que levam tais participantes a buscar o trabalho neste sistema alternativo de produção. Os resultados nos permitem analisar a realidade em que vivem os participantes das cooperativas populares estudadas. Na investigação sobre as representações sociais, realizamos um estudo comparativo entre uma cooperativa de reciclagem de entulhos, que não exige qualquer tipo de escolaridade e uma cooperativa de costura, com mulheres de nível escolar mais elevado. Percebemos que as categorias de análise ramo de produção, escolaridade e gênero são extremamente relevantes para demarcarmos as diferenças nas representações sociais encontradas. De modo geral, a velhice é valorizada por seus aspectos físicos e de perda da saúde, mas que na prática pode ser amenizado pela idéia de continuar sendo produtivo por meio do trabalho

Abstract: Disclosing the reality of male and female workers, aged 50+, in people¿s cooperatives located in the city of Campinas, SP; this was the object of study of this research; besides a reflection on aging in the work and productivity world. The methodology used is based on a quantitative-qualitative approach. In the first moment a socio-economical mapping of the workers was developed; therefore, we had a gathering of data of every cooperative in the study (quantitative). In a second moment, we identified the social representations which these people had of themselves ¿ as workers who are getting older in the people¿s cooperative ¿ and of the own work in cooperative environment, and as a result, we identified the wishes and needs which make such participants to search for work in this alternative system of production. The results allow us to analyze the reality where the participants of the studied people¿s cooperatives live. In the research of social representations, we developed a comparative study between a refuse material recycling cooperative, which does not require any schooling type, and a sewing cooperative, with women with higher level of schooling. We noticed that in the analysed categories in production field, schooling and gender are extremely relevant to define the differences in the social representations found. In a general way, the aging is valorized by its physical aspects and health loss, but in reality it can be softened by the idea of continuing being productive through the work
Subject: Cooperativas
Envelhecimento
Idosos
Trabalho
Educação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Patrocinio_WandaPereira_M.pdf645.82 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.