Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/252323
Type: TESE
Title: Licenciaturas : encanto e desencanto do cotidiano da sala de aula
Author: Romão, Eliana Sampaio
Advisor: Balzan, Newton Cesar, 1932-
Abstract: Resumo: O presente estudo insere-se numa temática que tem motivado sucessivas controvérsias nas mais diferentes academias de ensino superior, nos mais diferentes contextos: Formação do Professor- e tem como alvo, especificamente, o encanto e o desencanto do cotidiano da sala de aula, com base na rotina marcada por singularidades que trazem à tona experiências, a mais das vezes, questionáveis, mas, por vezes, altamente abalizadas. O que marca essa rotina é o fato de a igualdade descrever-se melhor por meio de suas diferenças.O objetivo dessa pesquisa foi, valendo-se da história dos cursos de Licenciatura, identificar, analisar e documentar o jeito de ser e agir dos professores na tarefa de preparar profissionais para o ensino, ou seja, investigar a "entonação" criada no mundo real da sala de aula, no qual professores e alunos constroem uma realidade "sui generis". Descrever a totalidade dessa realidade, ainda que única, com base, nos fatos mais marcantes, quer conflituosos,ou altamente louváveis para o referido tipo de formação, foi a tarefa central desta pesquisa. Constatou-se que o problema não está na especificidade das Licenciaturas, mas na forma "menor" com que é vista, em especial, no cotidiano da sala de aula, a formação do profissional da educação. Menos por incompetência, seja por falta de conhecimentos, seja por falta de títulos, e menos, igualmente, pelo "leque de funções" que ultrapassam a natureza da aula, o qual é imposto aos professores eles deixam de realizar um trabalho mais adequado às exigências da profissionalização, particularmente por falta de domínio de artificios no trato com os alunos, em "fabricar artesanalmente os saberes, tornando-os ensináveis e exercitáveis". Esse projeto desenvolveu-se por meio de uma linha de pesquisa pouco desbravada: a etnografia, o que possibilitou uma convivência, o mais próximo possível, dos sujeitos desse estudo, professores e alunos, vendo-os e ouvindo-os, quer dialogando, quer monologando, numa situação de aproximação ou distanciamento, respeito ou desrespeito, de recuos e avanços, de fracasso ou sucesso, de encanto ou desencanto. De todo modo, a observação sensível, dirigi da à prática do professor, tendo-se em vista a descrição da realidade concreta vivenciada em sala de aula, foi o procedimento por nós utilizado,entre outros, que possibilitou o desvelamento da rotina do cotidiano da sala de aula bem como a constatação que o futuro, já começou e pode -se antevê-lo no presente. Valorizar esse presente, portanto, será uma forma de devolvermos a nós mesmos a crença na educação não mais apenas como essa eterna "promessa de um futuro melhor"

Abstract: This research inserts into the thematic which has motivated controversies in several different universities and contexts: Teacher Formation - and has as goal, specifically, the pleasure and displeasure of the day to day classroom activities, based on a routine of singularities which brings experiences, most of the time, questionable, but sometimes highly reasonable. What has distinguished this routine is the fact that the equal is better described by its differences.The objective of this research was, based on the history of education degree courses, to identify, to analyze and to document the way teachers behave and act during the professionals preparation for teaching, as well as to investigate the "intonation" created in the classroom real world, in which teachers and pupils build a "sui generis" reality. To describe this unique reality in total, based on remarkable facts, sometimes conflictuous or highly lovable for this type of formation, was the central objective and task of this research.We have noticed that the problem does not reside in the specificity of the education degree, but in the "small" way they are seen, specifically, in the day to day classroom activities, where the formation of education professionals is conducted. We can not blame the incompetence, the lack of knowledge, the lack of titles or the variety of functions which surpasses the nature of a class and that has been imposed to teachers, making difficult to them to adequate their job to the vocational requirements, particularly due to the lack of domain in dealing with pupils and in "fabricate handicraft knowledge, and becoming them teachable and exercisable". This project was developed based on a "not to much" explored line of research: the ethnography, which made possible a very dose interaction, between the object of this study, teachers and pupils, seeing them, hearing them, listening to them, dialogue with them or monologue, in a situation of approaching or distance, respect or disrespect, backward or forward, failure or success and pleasure or displeasure. Anyway, the sensible observation, directed to the teachers practice, having in mind, a éoncrete reality lived in the classroom, was the procedure used, which among others, made possible to reveal us the day to day classroom routine, as well as to show us the future which has already began and that can be seen at the present moment. To value this present, will be therefore, the way to develop ourselves firmly believing in education no more as an eternal "promise for a better future"
Subject: Professores - Formação
Ambiente de sala de aula
Professores e alunos
Interação social
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1996
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Romao_ElianaSampaio_M.pdf16.19 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.