Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/252260
Type: TESE
Title: A evolução de ideias de alunos de 1o. ano de ensino medio sobre transformação quimica em um processo de ensino construtivista
Author: Petrucci-Rosa, Maria Inês, 1962-
Advisor: Schnetzler, Roseli Pacheco, 1946-
Abstract: Resumo: Neste trabalho investiga-se um processo de ensino-aprendizagem de Transformação Química desenvolvido junto a 37 alunos de primeiro ano do ensino médio, onde a professora atuou como pesquisadora. No estudo de caso realizado, procurou-se analisar a evolução das idéias dos alunos sobre T.Q. à luz de influências do processo de ensino, desenvolvido segundo pressupostos construtivistas. Neste sentido, as atividades de ensino procuraram promover evolução das concepções alternativas dos alunos em direção a concepções cientificamente aceitas, através de atividades que propiciaram intercâmbio de idéias, negociação de significados e de exposições por parte da professora, enquanto representante do conhecimento científico. Os dados desta investigação foram extraídos das transcrições das gravações das aulas e dos textos escritos pelos alunos. Elaborou-se um sistema de categorias relativo a concepções de T.Q. a partir das próprias idéias dos alunos a fim de analisar a evolução das mesmas, a qual se caracterizou pelo movimento de concepções de simples mistura e modificação de aspectos visuais para idéias mais sofisticadas como formação de novos materiais e noções envolvendo partículas. No entanto, tal movimento apresentou-se como um "vai e vem" de concepções na medida em que a exposição de elementos perturbadores e de contra-exemplos no processo de ensino provocou, também, o fortalecimento de concepções prévias dos alunos. A análise do processo evidenciou que a construção de novas idéias não significa a negação ou a substituição de idéias anteriores. Neste sentido, contribuições teóricas decorrentes de modelos de mudança conceitual baseados na instauração e superação de conflitos cognitivos cedem lugar à noção de perfil conceitual (Mortimer, 1994), configurando a existência de vários níveis de conceitualização, que se mostram dependentes do contexto. Nesta perspectiva, são essenciais a negociação de significados em sala de aula, o papel mediador do professor enquanto representante do conhecimento científico e a função da linguagem na formação de conceitos
Subject: Construtivismo (Educação)
Aprendizagem
Química - Estudo e ensino
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1996
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Petrucci-Rosa_MariaInes_M.pdf8.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.