Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251825
Type: TESE
Title: Modelos organizadores, genero e moral na resolução de conflitos entre jovens na escola
Title Alternative: Organizer models, gender and moral in the conflicts resolution between youngs in the school
Author: Souza, Leonardo Lemos de
Advisor: Araújo, Ulisses Ferreira de, 1962-
Abstract: Resumo: O objetivo desta pesquisa foi investigar os modelos organizadores elaborados por jovens, desde uma perspectiva de gênero, numa situação de conflito interpessoal na escola. Parte-se dos referenciais da Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento, do Paradigma da Complexidade e de perspectivas críticas sobre os estudos de gênero como contribuintes de aspectos conceituais e metodológicos na análise do funcionamento psíquico. Foram levantadas informações com 400 jovens (15 a 21 anos), de escolas públicas e particulares, em dois estados do Brasil (Mato Grosso e São Paulo). Solicitou-se que respondessem por escrito a quatro questões sobre os sentimentos, pensamentos e o dever das personagens (meninos ou meninas) diante de uma situação (sofrida ou presenciada) de discriminação de gênero e sexual (homofobia) na escola. Analisamos a perspectiva de gênero na resolução do conflito a partir do sexo das personagens, considerando as variáveis sexo dos participantes e estado brasileiro de origem. Os resultados mostram que as representações de gênero têm papel relevante no modo como os jovens e as jovens resolvem conflitos interpessoais, marcando a produção de estereótipos nas relações sociais entre homens e entre mulheres na escola

Abstract: This research aimed at investigating the organizer models about gender representations in interactive conflicts resolution in educational context. It is based on the Organizer Models Theory, the Complexity Paradigm, and the critical perspectives about gender studies as conceptual and methodological tools in psychic processes analysis. We conducted the information collection with 400 young people, aged from 15 to 21 years-old, from public and private schools, in two Brazilian states (Mato Grosso and São Paulo). We asked them to answer, by writing, four questions about a situation feelings, thoughts at the duty of the characters (boys and girls) in relation to the situation (suffered or viewed) of gender and sexual discrimination (homophobia) in school. We analyzed the gender perspective on the conflict resolution based on the characters sex, considering the participants sex and the Brazilian states. The results showed that the gender representations have a relevant role in the way the young people solve interactive conflicts by marking the stereotype production in social relationship between men and women in school
Subject: Modelos organizacionais
Gênero
Moral
Juventude
Escolas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Souza_LeonardoLemosde_D.pdf1.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.