Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251709
Type: TESE
Title: A função social do ensino secundario no contexto de formação da sociedade capitalista brasileira
Title Alternative: The social function at high school in the Brazilian context
Author: Zotti, Solange Aparecida
Advisor: Sanfelice, José Luís, 1949-
Abstract: Resumo: O presente trabalho tem como propósito investigar a função social do ensino secundário no contexto de formação da sociedade capitalista brasileira, que compreende o período entre o século XVI e XIX, ou seja, no contexto da conjuntura política colonial e imperial. O período do qual nos ocupamos, em relação ao Brasil, tem como marca comum a estrutura econômica baseada na produção agrícola/extrativa e no trabalho escravo, submetida aos interesses de Portugal e do capitalismo europeu, bem como uma educação estruturada a partir da transplantação de modelos da cultura europeia, que orientam as políticas educacionais do período. Este estudo se propôs a tratar da organização e da função do ensino secundário, a partir de uma análise de totalidade, tendo em vista que nas diferentes conjunturas, a função desse nível de ensino se estabelece de acordo com os interesses do bloco histórico hegemônico. A investigação se pautou em documentos escritos, cujas fontes primárias foram os documentos oficiais que orientaram a organização do ensino secundário em cada período, como planos de estudos, alvarás, editais, orientações para professores, leis, decretos, regulamentos, relatórios de Estado. A partir do estudo da organização do ensino secundário, identificamos que as funções a ele estabelecidas estiveram atreladas à constituição dos blocos históricos, tornando-se espaço para a consolidação da hegemonia das classes no poder. Ficou evidenciado que, historicamente, o ensino secundário apresentou uma função propedêutica, visto que esteve submetido aos interesses da elite aristocrática que almejava o ensino superior para a formação profissionalizante. Por fim, no conjunto dos interesses dos diferentes blocos históricos que se constituíram em cada momento conjuntural, o ensino secundário e superior cumpre a função fundamental de formação dos quadros dirigentes e intelectuais afinados com os interesses hegemônicos.

Abstract: The purpose of this work is to investigate the social function of high school in the context of Brazilian capitalist society, from XVI to XIX century, in the context of colonial politic and imperial conjuncture. This period of time, in relation to Brazil, has the economic structure based on the agriculture/extractive production and slave work as a common target, which was submitted to Portugal interests and European capitalism, as well as a structured education from the implantation of patterns of European culture, they worked out with the educational politics during this period. This work leads with the organization and the high school function, from this a totality analysis, it is centered in different conjunctures, a function of this level of teaching is established depending on interests of hegemonic historic blocs. The investigation is base on written documents, where their primary sources were the official documents which work the organization of high school in each period, with plans of study, edictal, orientation to professors, laws, decrees, regulations, reports of State. From high school organization studies, we identified that the functions to establish were involved to constitution of historic blocs, it became a space of hegemony consolidation of power classes. It was cleared that historically, the high school presented an introduction function, because it was submitted to aristocratic elite interests whom wished superior level to professional formation. Finally, into any interests from different historic blocs who were built in each conjuncture moment, the high school and superior level carry out the fundamental function of formation in management and intellectual spaces tuned with the hegemonic interests.
Subject: História da educação
Política educacional
Ensino secundário
Currículos
Brasil - História - Período colonial, 1500-1822
Brasil - História - Império - 1822-1889
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zotti_SolangeAparecida_D.pdf1.63 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.