Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251690
Type: TESE
Title: A educação não-formal como acontecimento
Title Alternative: The non formal education as event
Author: Garcia, Valeria Aroeira, 1970-
Advisor: Simson, Olga Rodrigues de Moraes von, 1943-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa se propõe a analisar a criação do conceito de educação nãoformal partindo da filosofia deleuziana, que compreende a criação de um conceito com seus movimentos e suas recriações. Nessa perspectiva, defendemos a educação não-formal como um conceito autônomo, com fazeres particulares e um campo próprio, a partir de uma lógica específica de funcionamento. Através de uma pesquisa bibliográfica, considerando autores internacionais, especialmente espanhóis, norteamericanos e autores brasileiros, a trajetória histórica do conceito de educação não-formal é apresentada, tanto internacionalmente, quanto nacionalmente. A educação não-formal é analisada a partir das políticas públicas para crianças, adolescentes e jovens, e nesse contexto é considerada sua relação com a educação social, assim como uma pequena apresentação e discussão da trajetória da educação social no Brasil. Foram pesquisadas três instituições de caráter não-formal em Campinas (SP) e região, sendo uma de origem religiosa, uma vinculada ao poder público e uma de caráter comunitário. A partir da pesquisa de campo, as concepções dos educadores dessas instituições foram consideradas como constituintes da criação de nuances do conceito de educação não-formal. Consideramos ainda as idéias divulgadas pela grande imprensa sobre os fazeres da educação não-formal e como os meios de comunicação vêm divulgando esse campo. Dessa maneira, a presente pesquisa se preocupou em cartografar a educação não-formal, não como um campo descoberto, ou como um conceito estático, mas como um conceito em movimento, que vem sendo criado e recriado em diferentes momentos e locais. Percebe-se, dessa forma, que o conceito de educação não-formal assume diferentes nuances, em função de que país e de que época histórica abordamos.

Abstract: This doctoral thesis intends to analyze the creation of the concept of non formal education, starting from the deleuzian philosophy, which encompasses the creation of a concept together with its movements and its re-creations. Under this perspective, we defend the idea of nonformal education as na autonomous concept, with its particular makings and a proper field, and a specific logic of functioning. Through the supporting bibliography, which considered foreigners authors, and specially Spanish, North American and Brazilian authors, the historic trajectory of the concept of nonformal education is presented, both in international contexts as in the Brazilian context. The nonformal education is analyzed from the point of view of the public policies targeting children, adolescents, and young adult students, and under such context, we consider its relationship with the social education. We also do a short presentation and discussion on the trajectory of the social education in Brazil. We analyzed three educational institutions of nonformal character in the region of the city of Campinas (State of São Paulo), one of them having a religious origin, another related to the public administration, and the third one having a community character. From the field research, the conceptions of the educators from these institutions were considered as the elements for the creation of concept of nonformal education. We also considered the ideas publicized through the mass media respect to the makings - activities related to nonformal education, as well as the way the communication channels talk about this field. In this way, the present research was concerned in picturing and understanding the nonformal education not as a discovered field, not as a static concept, but instead, as a concept in movement, which is being created and re-created in different moments and different places. With that in mind, we realize that the concept of non-formal education assumes different forms, depending on the country and depending on the period we are focusing.
Subject: Educação não-formal
Educação extra-escolar
Educação social
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Garcia_ValeriaAroeira_D.pdf5.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.