Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251590
Type: TESE
Title: A linguagem escrita de alunos surdos e a comunicação bimodal
Author: Góes, Maria Cecilia Rafael de, 1946-
Advisor: informado, Não
Abstract: Resumo: Os estudos aqui relatados focalizam processos de aprendizagem escolar da língua portuguesa por alunos surdos de ensino supletivo, que participam de trabalho pedagógico apoiado em práticas de comunicação bimodal (uso concomitante de fala e sinais) e que interagem com outros surdos através da língua brasileira de sinais. A partir de uma caracterização de problemas na produção escrita dos alunos, busquei estudar sua abordagem na re-escritura de textos. As análises mostraram a presença de ações reflexivas incipientes na atividade de re-escrita, sugerindo que o reconhecimento pobre de regras de construção dos enunciados estaria vinculado a peculiaridades da condição bilíngüe dos alunos. Foi, então, realizado um segundo estudo, através de entrevistas individuais, para identificar suas concepções sobre as experiências lingüístico-comunicativas em que se envolvem cotidianamente. As manifestações dos entrevistados indicam uma elaboração conceitual insuficiente sobre a condição dos problemas constatados, destacando a centralidade assumida pelas práticas bimodais no contexto pedagógico, que repercute na aprendizagem da língua portuguesa e no funcionamento reflexivo do aluno frente às próprias experiências de linguagem. A discussão dessas questões é referenciada por uma interpretação histórico-cultural do papel da linguagem no desenvolvimento psicológico e por uma perspectiva de educação bilíngüe para a pessoa surda

Abstract: The studies here presented focus on processes pertaining to the school learning of Portuguese Language by deaf students involved in youth-adult education services. They participate in a pedagogical work based on practices of bimodal communication (simultaneous use of speech and signs), and interact with other deaf in Brazilian Sign Language. After a characterization of problems in the students written production, I examined their approach in the re-writing of texts. The analyses showed the presence of incipient reflexive actions during re-writing, suggesting that the poor peculiarities of the students bilingual condition. A second study was, then, undertaken in orden to identify, through individual interviews, the students conceptions about their daily linguistic-communicative experiences. The findings indicate their insufficient conceptual elaboration about the bilingual condition of the deaf. I consider some sources of constitution of this problem, and put in relief the centrality assumed by bimodal practices in the pedagogical context, wich seems to affect the learning of Portuguese Language, as well as the students reflexive fuctioning in relation to their own language experiences. The discussion of these issues is referenced by a historical-cultural interpretation of the role of language in psychological development and by a perspective of a bilingual education for the deaf person
Subject: Surdos - Educação
Educação especial
Linguagem por sinais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1994
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Goes_MariaCeciliaRafaelde_LD.pdf4.59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.