Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251157
Type: TESE
Title: As condições de trabalho docente no ensino superior público no contexto das reformas educacionais brasileiras
Title Alternative: The relations of teaching work in public superior education in the context of the Brazilian educational reforms
Author: Vieira, Emilia Peixoto
Advisor: Höfling, Eloisa de Mattos, 1949-
Abstract: Resumo: Esta tese analisa as condições de trabalho dos docentes do ensino superior público, considerando os movimentos de reforma da educação, entre o período compreendido de 1990 a 2007. A idéia de examinar essa temática deve-se ao fato de que o trabalho docente, no ensino superior, tem ocupado lugar de destaque na reforma educacional brasileira, assim como entre os estudos realizados nos últimos anos. As políticas educacionais brasileiras sugerem uma adequação do trabalho docente às novas exigências profissionais advindas das inovações tecnológicas e da conseqüente mudança no mundo do trabalho. Para compreensão das mudanças e justificativas que influenciam as políticas públicas para o ensino superior, realizamos um estudo empírico com professores da Universidade Federal do Espírito Santo - UFES a fim de conhecermos seus pontos de vista sobre o seu trabalho; como eles vivem o conjunto das alterações postas pela reforma do ensino superior; como percebem as mudanças que foram introduzidas na sua área específica; como se sentem perante as novas expectativas geradas pelo conjunto das reformulações para o ensino superior e se seu ritmo de trabalho foi, realmente, alterado. Todo esse conjunto de questões remete para a necessidade de reflexão sobre as relações de trabalho, no interior da universidade. A exploração das entrevistas nos mostra as variações presentes, nos diferentes cursos e departamentos, assim como divergências marcadas entre cursos reconhecidos como mais prestigiosos que outros. Além disso, destaca-se que mesmo os professores sendo regidos por um só estatuto, o trabalho universitário apresenta uma grande variedade.

Abstract: This thesis analyzes the working conditions of higher education teachers, considering the reform movements of education, between the periods 1990 to 2007. The idea to examining this issue is due to the fact that higher education teacher has occupied a promiscuous place in the Brazilian education reform, as well as between studies conducted in last years. The Brazilian politic education suggests an adequate working teacher the new job requirements stemming from technological innovations and the consequent change in the working world. To understand the changes and reasons that influences the public politic for higher education, we conducted an empirical study with professors from the Federal University of Espírito Santo - UFES order to know their views about their work, how they live all of the changes in the reform education, how they felling the changes in the field word, how they feel towards new expectations generated by the set of reformulations to higher education and if his work rate was really changed. All those questions relate to need reflection about the working relationships, within the university. The exploration of the interviews in the sample the variations presents, the different courses and departments, as well as divergences marked between recognized courses as more prestigious than others. Moreover, it is distinguished that exactly the professors being conducted by one only statute, the university work presents a great variety.
Subject: Trabalho docente
Ensino superior
Reforma do ensino
Condições de trabalho
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Vieira_EmiliaPeixoto_D.pdf2.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.