Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251130
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Destino escolar de migrantes rurais : um estudo sobre mudança de ambiente, do meio rural para o meio urbano, como possivel fator de disturbio de aprendizagem
Author: Cypriano, Roberto Jose
Advisor: Goldenberg, Sérgio, 1944-
Abstract: Resumo: Este estudo de caso coletivo foi composto de 20 alunos migrantes rurais (Grupo A) e 15 não-migrantes (Grupo B) todos pertencentes ã rede estadual de ensino de Viçosa, Minas Gerais, matriculados e freqüentando a 4º serie do 19 grau no ano de 1981.O objetivo básico deste trabalho, foi verificar se a mudança de ambiente escolar do meio rural para o urbano, influencia negativamente o rendimento escolar dos migrantes do Grupo A, o que poderia constituir um possível fator de Distúrbio de Aprendizagem. Procurou-se dar ênfase neste trabalho ã fundamentação teórica, visando mostrar, a partir de vários autores e principalmente Correll e Schwarze (1974) na sua obra " Distúrbios de Aprendizagem ", como o ambiente de uma criança exerce um importante papel no processo de aprendizagem. Verificou-se, conforme levantamento bibliográfico e conclusão deste estudo de caso, que a mudança de ambiente escolar em geral e a mudança de ambiente escolar do meio rural para o urbano em particular, uma possível causa de Distúrbio de Aprendizagem, definido como "uma queda no rendimento da aprendizagem abaixo do nível indicado pelo talento e desenvolvimento psico-intelectnais do indivíduo" (cf. Correll e Schwarze opus cit., p.3). Levou-se em consideração para a formação dos seguinte: o Grupo A foi constituído por sujeitos que estudado até a 3º série do 1º grau em escolas rurais e que grupos tinham no ano de 1981 estivessem matriculados e freqüentando a 4a serie em escolas situadas na cidade de Viçosa; o Grupo B foi constituído por sujeitos que tivessem media equivalente aos sujeitos do Grupo A ou bem aproximadas, que estudaram sempre em escolas urbanas e estivessem na mesma classe do seu correlato do Grupo A. Após a coleta dos dados, medias acadêmicas dos três anos anteriores (1º, 2º, e 3º série e do 1º grau) e dos três bimestres de 1981, procedeu-se ao tratamento estatístico para verificar se a variação existente teria sido significativa. Concluindo, pode-se afirmar que os sujeitos do Grupo A apresentaram diminuição no rendimento escolar, possivelmente por causa da mudança de ambiente escolar, como tentamos mostrar tanto pela revisão bibliográfica quanto pelos dados acadêmicos, quando analisados estatisticamente pela utilização do Teste T de Student. A partir deste estudo não podemos fazer uma generalização para todas as regiões do Brasil, pois foi um estudo um tanto quanto limitado. Porem, podemos apontar alguns fatos a necessidade de estudos e pesquisas mais amplas e profundas a respeito da influência da mudança de ambiente escolar na aprendizagem e principalmente pesquisas sobre a mudança do meio rural para o urbano praticamente inexistentes no Brasil; e a necessidade de maior atenção aos alunos que se encontram nesta situação pela utilização de ensino personalizado a fim de que melhor se atenda as suas limitações e ritmo de aprendizagem
Subject: Aprendizagem
Distúrbios da aprendizagem nas crianças
Psicologia da aprendizagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1982
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Cypriano_RobertoJose_M.pdf59.84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.