Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/248680
Type: TESE
Title: Formação e caracterização de especies inéditas em fase gasosa : radicais, carbenos e arinos com sitios afastados de carga variável
Title Alternative: Formation and characterization of unprecedent species in the gas phase : charged radicals, carbens and arynes
Author: Corilo, Yuri Eberlim de
Abstract: Resumo: A técnica de ionização a pressão atmosférica por electrospray (ESI) se tornou rapidamente a mais utilizada nas áreas de química e bioquímica, em estudos mecanísticos e em análises por ¿fingerprinting¿. ESI é versátil devido a sua alta sensibilidade e capacidade de transferir espécies iônicas da solução para a fase gasosa de forma branda, permitindo inclusive que espécies de alto peso molecular fracamente ligadas permaneçam intactas. Entre os líquidos iônicos (LI) já conhecidos, destacam-se os compostos heterocíclicos da classe dos cátions imidazólios. A espectrometria de massas não era capaz de detectar e analisar essa classe de compostos devido à baixa volatilidade que estes LI apresentam. Entretanto, com o desenvolvimento da técnica de ESI tornou-se possível à transferência desses compostos para a fase gasosa de uma forma bastante branda e eficaz. Estas espécies, podem ser detectadas por espectrometria de massas mesmo sofrendo modificações como fragmentações, rearranjos e reações, pelo fato de um ou dois anéis imidazóis funcionarem como uma ¿âncora¿ de carga, permitindo o estudo de propriedades intrínsecas destes compostos, como reatividade bimolecular. Através de experimentos com ESI em tandem (ESI-pseudo-MS, e ESIMS/ MS) utilizando a técnica de dissociação induzida por colisão (CID), foi possível formar, selecionar e identificar várias novas espécies de carbenos e radicais com sítios afastados de cargas múltiplas e arinos imidazólios

Abstract: The ionization technique, atmospheric pressure electrospray (ESI) has become rapidly the most used in the fields of chemistry and biochemistry, mechanistic studies and in analysis by fingerprint. ESI is versatile due to its high sensibility and capability to transfer ionic species from the solution to the gas phase in a soft way, allowing, inclusively, that species of high molecular weight weakly bonded remain intact. Among the ionic liquids (IL¿s) known, heterocyclic imidazolium cations stand out. Mass spectrometry was not able to detect and analyze this class of compounds due to the low volatility of these compounds. However, with the development of the ESI technique has become possible the transfer of these compounds to the gas phase. These species may be detected by mass spectrometry even when they suffer modifications such as fragmentations, rearrangements or other reactions, due to the fact that one or two imidazolium rings work as a charge ¿anchor¿, allowing the study of intrinsic proprieties of these compounds, such as bimolecular reactivity. Through tandem ESI experiments (ESI-psedo-MS, and ESI-MS/MS) using the collision induced dissociation (CID) technique, it was possible to form, select and identify several new species of multiply charged carbenes, radicals and arynes
Subject: Líquidos iônicos
Espectrometria de massas
Reações químicas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:IQ - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Corilo, Yuri Eberlim de_M.pdf950.52 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.