Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/21488
Type: Artigo de periódico
Title: Relation between oral health and socioeconomic variables among schoolchildren aged 12 in the City of Manaus - AM
Title Alternative: Relação entre saúde bucal e as variáveis socioeconômicas em escolares de 12 anos de idade da cidade de Manaus-AM
Author: Régis-Aranha, Lauramaris de Arruda
Meneghim, Marcelo de Castro
Pereira, Antonio Carlos
Oliveira, Nícia Marques de Almeida
Ambrosano, Gláucia Maria Bovi
Mialhe, Fábio Luiz
Abstract: Studies have shown that the age of 12 was determined as the age of global monitoring of caries for international comparisons and monitoring of disease trends. The aimed was to evaluate the prevalence of dental caries, fluorosis and periodontal condition and their relation with socioeconomic factors among schoolchildren aged twelve in the city of Manaus, AM. This study with a probabilistic sample of 661 children was conducted, 609 from public and 52 from private schools, in 2008. Dental caries, periodontal condition and dental fluorosis were evaluated. In order to obtain the socioeconomic classification of each child (high, upper middle, middle, lower middle, low and lower low socioeconomic classes), the guardians were given a questionnaire. The mean decayed teeth, missing teeth, and filled teeth (DMFT) found at age twelve was 1.89. It was observed that the presence of dental calculus was the most severe periodontal condition detected in 39.48%. In relation to dental fluorosis, there was a low prevalence in the children examined, i.e., the more pronounced lines of opacity only occasionally merge, forming small white areas. The study showed a significant association of 5% among social class with dental caries and periodontal condition. In schoolchildren of Manaus there are low mean of DMFT and fluorosis, but a high occurrence of gingival bleeding.
Estudos têm demonstrado que a idade de 12 anos foi determinada como a idade de monitoramento global da cárie para comparações e monitoramento das tendências das doenças internacionais. O objetivo foi avaliar a prevalência da cárie, fluorose e condição periodontal e sua relação com os fatores socioeconômicos em escolares de doze anos de idade da cidade de Manaus, AM. Estudo contando com uma amostra probabilística de 661 crianças, 609 provenientes das escolas públicas e 52 das privadas, em 2008. Cárie dentária, condição periodontal e fluorose dentária foram avaliadas. Com o objetivo de se obter a classificação socioeconômica de cada criança (alta, média superior, média, média inferior, baixa e baixa inferior classe socioeconômica), foi encaminhado aos responsáveis um questionário. A média dos dentes cariados, perdidos e obturados (CPO-D) aos doze anos de idade foi 1,89. Observou-se que a presença de cálculo dental foi a condição periodontal mais grave detectada em 39,48%. Em relação à fluorose dentária, observou-se uma baixa prevalência nas crianças examinadas, ou seja, as linhas mais pronunciadas de opacidade ocasionalmente se fundem, formando pequenas áreas nebulosas. O estudo mostrou uma associação significativa de 5% entre a classe social com a cárie dentária e condição periodontal. Em escolares de Manaus há uma baixa média de CPO-D de cárie e fluorose, mas uma alta ocorrência de sangramento gengival.
Subject: Epidemiologia
doenças periodontais
índice CPO
Epidemiology
Periodontal Diseases
DMF index
Editor: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/1809-4392201305302
Address: http://dx.doi.org/10.1590/1809-4392201305302
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672014000300004
Date Issue: 1-Sep-2014
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0044-59672014000300004.pdf194.38 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.