Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/16066
Type: Artigo de periódico
Title: Correlação da qualidade de vida e voz com atividade profissional
Title Alternative: Correlation between voice and life quality and occupation
Author: Spina, Ana Lúcia
Maunsell, Rebecca
Sandalo, Karine
Gusmão, Reinaldo
Crespo, Agrício
Abstract: Dysphonia may impair the quality of communication and social relations of people, thereby directly affecting quality of life. It is common knowledge amongst professionals involved with the treatment of voice disorders the need for objective protocols to evaluate voice quality and measure its impact on the individual's quality of life. AIM: To associate life quality with the degree of dysphonia and professional voice use in a group of dysphonic patients. MATERIALS AND METHODS: A prospective clinical study was undertaken with a group of dysphonic patients using an internationally validated voice-related quality-of-life protocol. A statistical analysis of the results was carried out, not distinguishing between those who use their voices professionally and those who don't. RESULTS: dysphonia had an impact on the quality of life of all patients. There was no statistically significant difference between the groups - professional users and non-users of their voices; however, considering the groups separately, this correlation was significant only in the group of patients who do not use their voices professionally. CONCLUSION: Dysphonia affected the quality of life of all subjects regardless of their voice use.
As disfonias podem comprometer a qualidade da comunicação e, por conseqüência, a relação social do indivíduo e assim afetar sua qualidade de vida. Existe hoje necessidade de protocolos objetivos para avaliação da qualidade vocal que mensurem suas implicações na qualidade de vida do paciente. OBJETIVOS: Relacionar qualidade de vida e voz com o grau de disfonia e o uso profissional da voz em um grupo de pacientes disfônicos. MATERIAL E MÉTODO: Realizou-se estudo clínico prospectivo aplicando-se protocolo internacional para avaliar a qualidade de vida e voz em um grupo de pacientes disfônicos. Realizou-se tratamento estatístico dos resultados considerando-se não-distinção entre profissionais da voz e não-profissionais da voz e, em seguida, considerando-se esta distinção profissional. RESULTADOS: A disfonia afetou a qualidade de vida em todos os indivíduos. Não houve diferença estatística entre os grupos, profissionais da voz e não-profissionais da voz, quanto ao grau de disfonia. Houve correlação entre qualidade de vida e grau de disfonia, no entanto, considerando-se os grupos separadamente, esta correlação foi significativa apenas no grupo de sujeitos não-profissionais da voz. CONCLUSÃO: A disfonia afetou a qualidade de vida em todos os sujeitos independente do uso profissional da voz.
Subject: disfonia
profissional
qualidade de vida
voz
dysphonia
professional
quality of life
voice
Editor: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0034-72992009000200019
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0034-72992009000200019
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-72992009000200019
Date Issue: 1-Apr-2009
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0034-72992009000200019.pdf206.49 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.