Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/12476
Type: Artigo de periódico
Title: Intrinsic tectal low grade astrocytomas: is surgical removal an alternative treatment? Long-term outcome of eight cases
Title Alternative: Astrocitomas tectais de baixo grau: o tratamento cirúrgico é uma alternativa? Análise de oito casos com longa evolução
Author: Ramina, Ricardo
Coelho Neto, Mauricio
Fernandes, Yvens Barbosa
Borges, Guilherme
Honorato, Donizeti Cesar
Arruda, Walter Oleschko
Abstract: Low-grade gliomas arising in dorsal midbrain in children and young patients usually present few neurological symptoms and findings, and patients´ management is controversial. Some authors propose only clinical observation until the patient present signs of increased intracranial pressure when a shunt with or without biopsy, is inserted; others recommend radiotherapy after stereotactic or open biopsy. Microsurgical total removal of tumor may be curative. We present a retrospective analysis of eight patients (mean age 16.6 ±11.5 years-old) with low-grade astrocytoma of the tectal region operated on using an infratentorial/ supracerebellar approach between 1981 and 2002. All patients presented hydrocephalus and had a shunt insertion before surgical resection of the lesion. The tumour could be totally resected in seven patients. In one case radical removal was not possible due to infiltrative pattern of the lesion. Postoperative radiotherapy was performed in two cases, one patient at the beginning of this series and in the case with infiltrative tumor. This patient presented progressive tumor growth and died five years after surgery. No recurrence occurred after total removal. Post-surgical follow-up time ranged from 2 1/2 to 22 1/2 years (mean 9.9 ± 5.9 years). Radical microsurgical removal of non invasive tumors is possible without mortality or significant morbidity. It may be curative and should remain as an alternative to be discussed with the patient.
Gliomas de baixo grau originários da porção dorsal do mesencéfalo ocorrem em crianças e adultos jovens. Geralmente apresentam pouca sintomatologia e tardia, com hipertensão intracraniana por hidrocefalia não-comunicante. O seu tratamento é controverso. Alguns autores propõem somente observação clínica até o aparecimento de sintomas decorrentes de hipertensão intracraniana, quando é realizada derivação ventrículo-peritoneal (DVP), com ou sem biópsia da lesão. Outros recomendam radioterapia após comprovação histológica por biópsia estereotáxica. A remoção cirúrgica total pode ser curativa. Analisamos retrospectivamente 8 pacientes com astrocitoma de baixo grau na região tectal operados entre 1981 e 2002. A idade média foi 16,6 ±11,5 anos (variando de 8 a 44 anos). As lesões foram abordadas por acesso infratentorial / supra-cerebelar. Todos os pacientes apresentaram hidrocefalia e uma DVP foi colocada em todos antes da remoção cirúrgica da lesão. A lesão tumoral foi removida completamente em 7 dos 8 casos. Em um único caso a remoção total foi impossível devido ao caráter infiltrativo do tumor. Radioterapia pós-operatória foi indicada em 2 casos, o primeiro no início da série e o segundo caso com tumor de caráter infiltrativo. Este último paciente apresentou crescimento tumoral progressivo e veio a falecer 5 anos após a cirurgia. Nos demais 7 pacientes não houve recurrência tumoral. O tempo de acompanhamento foi 2,5 a 22,5 anos (média 9,9 ± 5,9 anos). Remoção microneurocirúrgica radical pode e deve ser sempre cogitada em pacientes com tumores não-invasivos, pois a baixa morbi/mortalidade é possível e aceitável, além do procedimento poder ser curativo.
Subject: astrocitoma
tumores tectais
glioma
hidrocefalia
astrocytoma
tectal tumours
glioma
hydrocephalus
Editor: Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0004-282X2005000100008
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2005000100008
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X2005000100008
Date Issue: 1-Mar-2005
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0004-282X2005000100008.pdf2.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.