Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334817
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Lembrar para esquecer para lembrar : um estudo sobre autorrepresentação em artes visuais
Title Alternative: Remember to forget to remember : a study on self-representation in the visual arts
Author: Oliveira, Laís Rosário de, 1988-
Advisor: Ribeiro, Lucia Eustachio Fonseca, 1960-
Abstract: Resumo: Nesta pesquisa artística revisito dois de meus trabalhos, as instalações Rastros (2015) e Rio (2016), para apreender e compreender quais são as relações e conexões entre os elementos formadores da minha poética. Reflito sobre os aspectos que constituem os conceitos de memória, dádiva e habitar. Ao aproximar-me da memória coletiva da minha família desenvolvo um processo de identificação das particularidades que fazem parte da minha individualidade. É através do conceito de dádiva que construo a reflexão sobre a importância e influência das memórias familiares nos meus trabalhos e no construir de um processo criativo auto representacional. A partir do princípio de que dádiva é algo transferido a alguém, classifico a relação entre avó e neta, bem como os pertences da minha avó Dorothy, como dádivas que recebi ao longo da vida. Outro caráter fundamental de toda dádiva é que ela deve ser passada adiante, mantendo seu sentido. Esse aspecto é respeitado e se desenvolve durante o meu processo criativo por meio da ação de apropriar e assim habitar as minhas memórias ancestrais estabelecendo um movimento de reconhecer minhas origens (fora) para conhecer a mim (dentro). O ciclo se concretiza no momento em que exponho meus trabalhos, passando dessa forma as dádivas que recebi de minha avó para aqueles que vivenciam as histórias e memórias representadas em Rastros e Rio

Abstract: In this artistic research I review two of my works, the instalations Rastros (2015) and Rio (2016), in order to apprehend and understand the relationships and connections among the formative elements of my poetics. I reflect about the aspects that constitute the concepts of memory, gift and inhabit. As I approach the collective memory of my family, I develop a process of identifying the particularities that are part of my individuality. It is through the concept of gift that I construct a reflection on the importance and influence of family memories in my work and in the construction of a creative process of self-representation. From the principle that gift is something transferred to someone, I consider the grandmother and granddaughter relation as well as the belongings of my grandmother Dorothy as gifts I have received throughout life. Another fundamental character of every gift is that it must be passed on keeping its meaning. This aspect is respected and it is developed during my creative process through the appropriating and thus inhabiting of my ancestral memories, establishing a movement to recognize my origins (outside) to know myself (within). The cycle takes shape the moment I expose my works, passing on the gift that I received from my grandmother for those who experience the stories and memories represented in Rastros and Rio
Subject: Autorrepresentação
Memória coletiva na arte
Fotografia
Instalações (Arte)
Arte moderna
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: OLIVEIRA, Laís Rosário de. Lembrar para esquecer para lembrar: um estudo sobre autorrepresentação em artes visuais. 2019. 1 recurso online (65 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_LaisRosarioDe_M.pdf3.95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.