Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334655
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Influência da composição corporal, velocidade de deslocamento e força sobre a velocidade máxima durante a partida, por níveis de maturação somática em jovens futebolistas
Title Alternative: Influence of body composition, speed and strength speed on the maximum speed during the football match, by levels of somatic maturation in youth soccer players
Author: Silva, Rodrigo Lopes Pignataro, 1973-
Advisor: Arruda, Miguel de, 1954-
Abstract: Resumo: INTRODUÇÃO: O desempenho da velocidade no jogo é determinado pela influência de vários fatores em seu condicionamento, um deles é representado pela aplicação de força, o qual está relacionado com as manifestações da força, como pela estabilidade na sua produção. OBJETIVO: O objetivo desse estudo foi de investigar a influência do desempenho da produção de força, velocidade do deslocamento e composição corporal sobre a velocidade máxima obtida durante a partida de futebol relacionados à maturação somática de jovens futebolistas. MÉTODO: A amostra foi de 175 futebolistas do sexo masculino divididos em três grupos maturacionais referentes à classificação do Pico da velocidade de crescimento: 42 foram Pré-PVC; 57 durante-PVC e 76 Pós-PVC. Os testes empregados foram: a velocidade de ação de deslocamento durante o jogo; teste de velocidade de 10 e 30 metros; o teste de salto vertical com meio agachamento partindo de uma posição estática (SJ), o teste de salto vertical com contramovimento sem a contribuição dos membros superiores (CMJ), o salto vertical com queda de 40cm com controle de contato abaixo de 200 milésimos de segundos (DJ h/t); e avaliação isométrica e excêntrica na ação do (SJ). O relacionamento entre as variáveis foi analisado usando o coeficiente de determinação (R2) pela análise de regressão múltipla, com nível de significância <0,05. RESULTADOS: Os resultados na análise multivariada revelou que a maioria das mudanças da velocidade máxima obtidas durante uma partida (VmaxP) dentro do Pré-PVC foram percebidas influências muitos altas no poder de variabilidade da VmaxP explicada pela velocidade de deslocamento (76.67%; p<0.05), moderada (40,48%, p<0,01) explicação encontrada pelo desempenho da produção e manisfestação da força, e baixa (23,12%) pela relação com os parâmetros da massa óssea e composição corporal, mas não significante. Quando interpretado os resultados do grupo durante-PVC foram observadas influencias altas (59,67%; p<0.05) em que a VmaxP pode ser explicada pelas variáveis da V10m e V30m; baixa influencias, mas não significante (27,25%, p>0,05) pela explicação dos parâmetros da massa óssea e composição corporal, bem como para o desempenho da produção e manisfestação da força (17,25%, p>0,05). Quanto ao pós-PVC foi encontrado muito alta influência sobre a VmaxP pela explicação da velocidade de deslocamento (88,67%; p<0.05), como também pela explicação significante com o desempenho da produção e manisfestação da força (71,40%; p<0.01); todavia, foram encontradas baixas influências dos parâmetros da massa óssea e composição corporal (24,61% p>0,05). CONCLUSÃO: Os resultados desse estudo revelaram que a velocidade máxima obtida durante uma partida de futebol sofre influência das variáveis das velocidades de corrida de 10 e 30 metros e do desempenho da força dentro do grupo Pré-PVC e Pós-PVC; e somente influências moderadas da velocidade de deslocamento durante-PVC, os resultados sugerem certa cautela para a explicação da composição corporal e massa óssea sobre a VmaxP

Abstract: INTRODUCTION: The performance of game speed is determined by the influence of several factors on its conditioning, one of them is represented by the application of force, which are related to the manifestations of the force, as by the stability in its production. OBJECTIVE: The objective of this study was to investigate the influence of performance of strength production, displacement velocity and body composition on the maximal sprint speed match related to the somatic maturation of young soccer players. METHODS: The sample was composed of 175 male soccer players divided into three maturational groups: peak height velocity: 42 were Pre-PHV; 57 mid- PHV and 76 post- PHV. The tests used were: the speed of action of displacement during the game; speed test of 10 and 30 meters; the vertical jump test with half squatting starting from a static position (SJ), the vertical jump test with countermovement without the contribution of the upper limbs (CMJ), the vertical jump with a drop of 40cm with contact control below 200 thousandths of seconds (DJ h / t); and isometric and eccentric evaluation in the action of SJ. The relationship between the variables was analyzed using the coefficient of determination (R2) through the multiple regression analysis, with significance level <0.05. RESULTS: The results in the multivariate analysis revealed that most of the changes in the maximal sprint speed match within the Pre-PHV were observed very high influences in the variability strength of speed match explained by the speed of displacement (76.67%, p <0.05) , moderate (40.48%, p <0.01) explanation found by the performance of the production and manifestation of the strength, and low (23.12%) by the relation with the parameters of the bone mass and body composition, but not significant. When interpreted the results of the group mid-PHV, high influences (59.67%; p <0.05) were observed in which the speed match can be explained by the variables of speed test 10m and 30m; (27.25%, p> 0.05) for the explanation of the parameters of bone mass and body composition, as well as for the performance of the production and manifestation of the strength (17,25%, p> 0, 05). As for post-PHV, the influence of maximal sprint speed match on the velocity of displacement (88.67%, p <0.05) was also found to be very high, as well as for the significant explanation for the production performance and strength manifestation (71.40%; p <0.01); however, low influences of the parameters of bone mass and body composition (24.61% p> 0.05) were found CONCLUSION: The results of this study revealed that the maximal sprint speed match in soccer is influenced by the variables of the speed of 10 and 30 meter and the strength performance within the Pre-PHV and Pos-PHV groups; and only moderate influences of the velocity of displacement during-PHV, the results suggest some caution for the explanation of the body composition and bone mass on the VmaxP
Subject: Maturação
Velocidade
Crescimento humano
Jogadores de futebol
Desempenho
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SILVA, Rodrigo Lopes Pignataro. Influência da composição corporal, velocidade de deslocamento e força sobre a velocidade máxima durante a partida, por níveis de maturação somática em jovens futebolistas. 2019. 1 recurso online (224 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Física, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Silva_RodrigoLopesPignataro_D.pdf6.11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.