Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334367
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Morfologia urbana contemporânea : contribuições para uma teoria das mutações urbanas
Title Alternative: Contemporary urban morphology : contributions to a theory of urban mutations
Author: Turczyn, Daniel Teixeira, 1985-
Advisor: Monteiro, Evandro Ziggiatti, 1967-
Abstract: Resumo: Os objetivos da pesquisa são investigar as formas, tipologias e paisagens urbanas das áreas de expansão recente do município de Campinas e suas similaridades com as urbanizações recentes das cidades que compõem a Região Metropolitana de Campinas e evidenciar as tipologias e os padrões de forma e de paisagem que conformam essas novas aglomerações urbanas, contribuindo para a construção de uma teoria das mutações urbanas. A urbanização de Campinas e das maiores cidades que compõem a sua região metropolitana ocorreu de forma periférica, fragmentada e potencializada pelos eixos rodoviários, conformando aglomerações que podem ser entendidas como mutações urbanas. Mutação urbana é um conceito forjado por Solà-Morales (2002) que auxilia o entendimento das dinâmicas de formação da cidade contemporânea, que vem se desenvolvendo através de formas e paisagens urbanas que são distintas das encontradas nos tecidos urbanos tradicionais do seu entorno. Os eixos rodoviários são a espinha dorsal para o funcionamento das mutações urbanas. Os shopping centers, seu elemento catalisador mais comum. As hipóteses do trabalho são duas, a primeira é que as expansões recentes das cidades de Campinas e das que compõem a sua região metropolitana são conformadas pelo mesmo conjunto de tipologias, formas e paisagens urbanas que não podem mais ser compreendidas adequadamente através das abordagens e vocabulários tradicionais da disciplina; a segunda é que as categorias propostas por Solà-Morales podem ajudar a identificar, a analisar e a descrever as expansões urbanas recentes das cidades. É uma pesquisa estruturada como um estudo de caso de caso, balizada pela observação e análise das imagens aéreas e fotografias urbanas disponibilizadas pelos pacotes de ferramentas Google Earth e Google Street View. O conceito de mutação urbana é abordado como chave para uma sintaxe de leitura espacial, a partir da qual é possível enfatizar e delimitar as aglomerações urbanas contemporâneas que compartilham o mesmo conjunto de características morfológicas, possibilitando a demarcação das áreas de estudo. Os resultados apontam a formação de treze mutações urbanas em Campinas e mais doze mutações urbanas nas cidades de Valinhos, Vinhedo, Indaiatuba, Hortolândia, Sumaré e Paulínia, formando um eixo metropolitano onde prevalece esse tipo de urbanização. As mutações são formadas por um conjunto de nove tipologias residenciais e quatro tipologias comerciais que se estruturam no território através de vinte e nove padrões de formas de implantação e de paisagem. No geral, as mutações são aglomerações peri-urbanas que se ligam às rodovias através de avenidas arteriais, formadas por tipologias residenciais e comerciais muradas e controladas, suportadas por grandes shopping centers e lojas de departamentos, e imersas em vazios urbanos. São áreas que contrastam com o restante da cidade, seja pelo espaço público mínimo voltado apenas para a locomoção dos automóveis, pela ausência de comércio e vida pública, ou pela paisagem genérica e de baixa expectativa

Abstract: The objectives of this research are two. The first objective is to investigate the forms, typologies and urban landscapes of the recent expanding areas of the city of Campinas and their similarities with the recent urbanizations of the cities that compose the Metropolitan Region of Campinas. The second objective is to evince the typologies and patterns of form and landscape that form these new urban agglomerations, thus contributing to the construction of a theory of urban mutations. The urbanization of Campinas and the major cities that compose its metropolitan region occurred in a peripheral and fragmented manner, driven mainly by highways, and forming agglomerations that can be understood as urban mutations. Urban mutation is a concept forged by Solà-Morales (2002) that helps understand the contemporary city formation dynamics, which has been taking shape through urban forms and landscapes that are distinct from those found in the traditional urban tissues of its surroundings. The highways are the backbones to urban mutations development. Shopping malls are its most common catalyst element. The hypothesis of this work are two. The first is that the recent urban sprawl of the cities of Campinas and those that form their metropolitan region are conformed by the same set of typologies, forms and landscape that could hardly be understood through the traditional approaches and vocabulary of the discipline. The second is that categories proposed by Solà-Morales can help identify, analyze and describe the recent urban sprawl of these cities. The method adopted was a case study, based on the observation and analysis of satellite images and urban photographs provided by Google Earth and Google Street View and the materials collected during on-site visits. The concept of urban mutation is developed as a key to a spatial reading syntax with which it is possible to emphasize and delimit contemporary urban agglomerations that share the same set of morphological characteristics in order to delimit the study areas. The results show the formation of thirteen urban mutations in Campinas and another twelve urban mutations in the cities of Valinhos, Vinhedo, Indaiatuba, Hortolândia, Sumaré and Paulínia, forming a metropolitan axis where this type of urbanization predominates. The mutations are formed by a group of nine residential typologies and four commercial typologies that are structured in the territory through twenty-nine patterns of implantation and landscape forms. In general, the mutations are peri-urban agglomerations that are connected to the highways through arterial avenues, are formed by walled and controlled residential and commercial typologies, are supported by large shopping centers and department stores, and are immersed in urban voids. These areas contrast with the rest of the city not only because of the minimal public space focused to allow the locomotion of cars, but also because of the absence of commerce and public life, and of the generic, low-expectation landscape
Subject: Crescimento urbano
Paisagem urbana
Urbanização - Campinas (SP)
Urbanização - Campinas, Região Metropolitana de (SP)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: TURCZYN, Daniel Teixeira. Morfologia urbana contemporânea: contribuições para uma teoria das mutações urbanas. 2019. 1 recurso online (211 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Turczyn_DanielTeixeira_D.pdf15.95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.