Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/333189
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Modelagem gravimétrica 3D da estrutura de impacto de Araguainha
Title Alternative: 3D Gravity model at Araguainha impact structure
Author: Miyazaki, Marcelle Rose, 1992-
Advisor: Leite, Emilson Pereira, 1975-
Abstract: Resumo: Localizado na região centro-oeste do Brasil, na divisa entre os estados de Mato Grosso e Goiás, o Domo de Araguainha é a maior estrutura de impacto reconhecida na América do Sul. Com 40 km de diâmetro, o Domo é morfologicamente estruturado em anéis concêntricos de elevações e depressões compostos por rochas sedimentares da Bacia do Paraná, em torno de um núcleo granítico soerguido. Diversos estudos a respeito da geologia da cratera já foram realizados, no entanto, pouco se conhece da configuração dos litotipos em subsuperfície. Com o intuito de mapear a distribuição de densidades e associá-la com a configuração das rochas na região do núcleo soerguido, realizou-se um levantamento gravimétrico, a partir do qual extraíram-se informações da anomalia Bouguer e construiu-se o mapa de anomalia Bouguer residual, demonstrando picos de anomalia na região do núcleo soerguido. A anomalia regional evidencia uma tendência NE-SW que pode estar relacionada com o embasamento da Bacia do Paraná e o Lineamento Transbrasiliano O mapa de anomalia Bouguer residual apresenta uma anomalia positiva em seu centro, não coincidente com a morfologia circular, e com áreas de valores negativos no núcleo granítico. As anomalias no núcleo variam de -8,3 mGal a 7,1 mGal. As anomalias residuais foram invertidas utilizando simultaneamente uma restrição nos limites inferior e superior de densidade e uma restrição de proximidade a um modelo de referência construído com base na hipótese de soerguimento do núcleo granítico. O modelo 3D de densidades resultante do processo de inversão explica as anomalias observadas dentro de um erro médio de ±0,2 mGal, porém não permite identificar claramente os contatos geológicos e evidencia a complexidade geológica em subsuperfície da estrutura de Araguainha

Abstract: Located in central Brazil at the border of states of Mato Grosso and Goiás, the Araguainha Dome is the largest impact structure recognized in South America. It has a diameter of 40 km and is morphologically structured in concentric rings of elevations and depressions composed of sedimentary rocks of the Parana Basin around an uplifted granitic core. Several studies about the crater geology have been conducted, however, the lithotype configuration underneath remains mostly unknown. In order to better understand how the rocks are arranged underneath the central peak, a gravity study has been developed, by which information of the Bouguer anomaly has been obtained. The observed regional anomaly exhibit a NE-SW trend which may be related to the basement of the Paraná basin and the Transbrasiliano lineament. Bouguer anomaly map, shows anomaly peaks in the region of central uplift. The Bouguer residual anomaly map presents a positive anomaly related to the granitic core, not coincident with the circular morphology, and with areas of values negative related to the granitic rocks. Anomalies at the core vary from -8.3 mGal to 7.1 mGal. Nevertheless, the anomalies show no direct correlation with the surface geology, suggesting that the spatial configuration of the subsurface geology is different. As a result of inversion applied in residual anomaly data, 3D models of the density were obtained, with upper and lower boundary constraint and reference model. The 3D model resulting from the inversion process shows anomalies observed within ± 0.2 mGal average error, although not able to relate to the geological data and evidence of a geological technique of the structure of Araguainha
Subject: Gravimetria
Estrutura de impacto Araguainha
Cratera de impacto
Modelagem 3D
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MIYAZAKI, Marcelle Rose. Modelagem gravimétrica 3D da estrutura de impacto de Araguainha. 2018. 1 recurso online (84 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Miyazaki_MarcelleRose_M.pdf6.59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.