Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325586
Tipo: TESE DIGITAL
Título: Romaria, um percurso para o interior : vivência a partir do eixo Co-Habitar com a Fonte do método Bailarino-Pesquisador-Intérprete (BPI)
Título(s) alternativo(s): Pilgrimage, a journey to the interior : experience from the Co-Inhabiting axis with the Source of Dancer-Researcher-Performer method (BPI)
Autor(es): Araujo, Amanda Gonsales de, 1991-
Orientador: Turtelli, Larissa Sato, 1973-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa debruça-se sobre o método Bailarino-Pesquisador-Intérprete (BPI) tendo como enfoque o eixo Co-habitar com a Fonte. O método BPI estrutura-se fundamentalmente em três eixos: o Inventário no Corpo, o Co-habitar com a Fonte e a Estruturação da Personagem, que visam o desenvolvimento artístico mas que acabam por elaborar também questões pessoais do intérprete, pois o processo se dá como uma "escavação" interna, quando o pesquisador entra em contato consigo em profundidade para poder se expressar com mais inteireza. Para esta pesquisa o eixo Co-habitar com a Fonte foi de extrema importância, pois ao entrar em contato com a cultura caipira do interior de São Paulo e Minas Gerais, através de pesquisas de campo que abarcavam o trabalho, o cotidiano, as festas e a relação com o sagrado, os conflitos, rejeições e identificações da intérprete passaram a acontecer, propiciando que um olhar interno fosse ativado a partir do contato com o outro. Essa vivência possibilitou que a intérprete transpassasse o que estava em sua superfície, para tocar em conteúdos que até então estavam soterrados, ocasionando assim uma ampliação de suas possibilidades expressivas, pois pôde desvelar mais sobre si. Este trabalho foi desenvolvido por uma cantora que encontrou no método BPI a possiblidade de desenvolver-se em termos corporais e expressivos, a fim de alcançar uma presença cênica potente e experienciar uma voz que de fato nascesse do corpo

Abstract: This research focuses on the method Dancer-Researcher-Performer (BPI), focusing on the axis co-inhabit with the source. The BPI method is fundamentally structured in three axes: body inventory, cohabiting with the source and the character structuring, which aim at artistic development but which end up also elaborating interpreter's personal issues, as the process develops as an internal "dig", where the researcher contacts herself in depth to be able to express her art more fully. For this research, the co-inhabitant with the source axis was extremely important, because when it came into contact with the countryside culture from São Paulo's interior and Minas Gerais, through field surveys that included work, daily life, parties and the relationship with the sacred, some conflicts, interpreter's rejections and identifications allowing an inner look to be activated from the contact with the other. This experience made it possible for the interpreter to cross what was on the surface, to touch contents that had been buried until then, thus causing an amplification of its expressive possibilities, since it could reveal more about itself. This work was developed by a singer who found in the BPI method the possibility of developing in body and expressive terms in order to achieve a powerful stage presence and to experience a voice that was actually born from the body works
Palavras-chave: Bailarino-Pesquisador-Intérprete
Dança - Pesquisa
Dança - Brasil
Caipira - Cultura
Voz
Editor: [s.n.]
Data do documento: 2017
Aparece nas coleções:IA - Tese e Dissertação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Araujo_AmandaGonsalesDe_M.pdf1.56 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.