Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325315
Tipo: TESE DIGITAL
Título: Associação entre sequências formadoras de G-Quadruplexes no intron 1 dos genes Pax9, Msx1, Inbha e Bmp2 e o fenótipo dentário dos mamíferos = Association between G-quadruplex forming sequences in the first intron of Pax9, Msx1, Inhba e Bmp2 genes and mammalian dentition phenotype
Título(s) alternativo(s): Association between G-quadruplex forming sequences in the first intron of Pax9, Msx1, Inhba e Bmp2 genes and mammalian dentition phenotype
Autor(es): Jara Espejo, Manuel Alexander, 1987-
Orientador: Line, Sergio Roberto Peres, 1963-
Abstract: Resumo: A dentição dos mamíferos representa um modelo eficiente para entender como as mudanças nas restrições do desenvolvimento podem ter participado no surgimento da diversidade fenotípica ao longo do processo evolutivo. Diferentes abordagens e modelos têm sido propostos para explicar esta diversidade, incluindo a teoria dos campos morfogenéticos e o modelo da cascata de ativadores/inibidores. Quase a metade dos genes humanos apresenta sequências ricas em guanina na extremidade 5' do intron 1. A presença de sequências formadoras de G-quadruplexes (G4FS) próximas aos limites exon/intron sugere o seu potencial para regular a expressão gênica durante a transcrição e processamento do pré-mRNA. O nosso objetivo foi associar a estabilidade das GQFS, medida com base na mínima energia livre do RNA, localizados na extremidade 5' do primeiro íntron de genes que participam no desenvolvimento dentário com o tamanho relativo da dentição posterior obtido a partir de medições de crânios de 55 espécies de mamíferos placentários. A mínima energia livre das G4FS localizados em genes com papeis críticos no desenvolvimento dentário, como o Pax9, Msx1, Inhba e Bmp2, associaram-se com o tamanho relativo dos dentes posteriores. Analisadas em conjunto, a diversidade estrutural das G4FS e sua associação com o tamanho relativo dos dentes posteriores, permite-nos sugerir que interações moleculares geradas a partir dessa estabilidade estrutural poderiam representar um mecanismo regulador da expressão gênica durante a odontogênese. Finalmente, isto poderia ter contribuído para a diversificação do fenótipo dentário de mamíferos

Abstract: Mammalian dentition represents a valuable model to understand how shifts in developmental constraints account for phenotypic diversification during evolution. Different concepts and models have been proposed to explain this diversity, including morphogenetic field¿s theory to the activator/inhibitor cascade model. About half of human genes are G-rich at the 5' end of intron 1, and these sequences have the potential to form G-quadruplexes. The presence of G-quadruplex forming sequences (G4FS) close to exon/intron boundaries suggests their potential to regulate gene expression at the transcriptional level or pre-mRNA processing. The aim of this work was to associate stability of the G4FS, measured by the minimum free energy of RNA, located at the 5' end of the first intron of genes that participate in tooth development with the relative size of posterior teeth obtained from skull measurement of 55 placental mammalian species. G4FS of Pax9, Msx1, Inhba and Bmp2, genes known to be critical for tooth development, were associated with relative tooth size. Taking together, the structural diversity of G4FS and their relationship with tooth relative length, we argue that molecular interactions generated from their structure stability may represent a modulator mechanism of gene expression during odontogenesis. Changes in the stability of G4FS may have played an important role in the diversification of mammalian dental phenotype
Palavras-chave: Quadruplex G
Dentição
Mamífero
Evolução
Idioma: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Data do documento: 2017
Aparece nas coleções:FOP - Dissertação e Tese

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
JaraEspejo_ManuelAlexander_M.pdf2.9 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.