Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/321800
Type: TESE DIGITAL
Title: Potencial cariogênico da Candida albicans = Cariogenic potential of Candida albicans
Title Alternative: Cariogenic potential of Candida albicans
Author: Sampaio, Aline Araújo, 1987-
Abstract: Resumo: A cárie radicular é uma preocupação atual devido ao aumento da longevidade das populações e a conservação de dentes naturais por mais tempo na cavidade bucal com exposição radicular. O Streptococcus mutans é considerada a bactéria bucal mais cariogênica mas tem sido sugerido que a Candida albicans poderia aumentar a sua cariogenicidade. Como o efeito desta combinação na cárie de dentina é desconhecido, o objetivo deste estudo foi avaliar se C. albicans aumentaria a capacidade do biofilme de S. mutans em desmineralizar dentina. Neste estudo experimental in vitro e cego, biofilmes de C. albicans ATCC 90028, S. mutans UA 159 e da combinação C. albicans + S. mutans foram crescidos sobre blocos de dentina radicular bovina de dureza de superfície (DS) conhecida (n=12/grupo). Os biofilmes foram crescidos em meio à base de triptona e extrato de levedura contendo 0,1 mM de glicose durante 96 h, a 37ºC e 10% de CO2. Os biofilmes foram expostos 8x/dia durante 3 min à sacarose a 10%. O meio de cultura foi trocado 2x/dia após os 8 desafios cariogênicos e após o período noturno de jejum, e alíquotas foram analizadas para determinação do pH e concentração de ácido lático. Após 96 h, os biofilmes foram coletados para determinação do peso úmido, da contagem de unidades formadoras de colônia (UFC), da quantidade de polissacarídeos intracelulares e dos extracelulares (solúveis e insolúveis). Na dentina foi determinada a perda de dureza de superfície (% PDS), como indicador de desmineralização. A arquitetura dos biofilmes foi analisada qualitativamente por microscopia confocal de varredura a laser. O biofilme C. albicans + S. mutans foi também analisado por microscopia eletrônica de transmissão (MET). Os dados foram analisados por ANOVA seguido pelo teste de Tukey (? = 0,05). O biofilme de C. albicans + S. mutans mostrou maior acidogenicidade que os biofilmes de S. mutans e C. albicans nos tempos de crescimento de 56 e 80 h (p < 0,05). Os grupos diferiram (C. albicans < S. mutans < C. albicans + S. mutans) com relação as análises da %PDS, UFC e quantidade de polissacarídeos (p < 0,05). As imagens por confocal sugerem que o biofilme de C. albicans + S. mutans é mais volumoso que os demais. As imagens por MET mostram que as células de S. mutans interagem com a C. albicans através de polissacarídeos da matriz do biofilme formado. Concluiu-se que embora a C. albicans nas condições estudadas tenha mostrado um baixo potencial cariogênico, ela foi capaz de aumentar o potencial cariogênico de biofilme de S. mutans, provocando maior desmineralização da dentina

Abstract: Root caries is a current concern due to the increased population longevity and the preservation of natural teeth in the oral cavity with root exposure for a longer time. Streptococcus mutans are considered the most cariogenic bacteria and it has been suggested that Candida albicans could increase their cariogenicity. However, the effect of this combination on dentin caries is unknown. The aim of this study was to evaluate whether C. albicans biofilms would increase the capacity of S. mutans in demineralize dentin. In this in vitro and blind experimental study, biofilms of C. albicans ATCC 90028, S. mutans UA 159 and the combination of C. albicans + S. mutans were grown on bovine root dentine blocks of known surface hardness (SH) (n = 12 / group). Biofilms were grown in ultra-filtered tryptone and yeast extract based medium containing 0.1 mM glucose, for 96 h under 37 °C and 10% CO2. Biofilms were exposed 8x/day for 3 min to 10% sucrose. The medium was changed 2x/day, after the 8 cariogenic challenges and after the night period of famine, and aliquots were analyzed to determinate the pH, and concentration of lactic acid. After 96 h, biofilms were collected to determine the wet weight, colony forming units (CFU), the amount of intracellular and extracellular polysaccharides (soluble and insoluble). Dentine demineralization was assessed by surface hardness loss (% SHL). The architecture of the biofilms was qualitatively analyzed by confocal laser scanning. The structure of C. albicans + S. mutans biofilm was also analyzed by transmission electron microscopy (TEM). Data were analyzed by ANOVA followed by Tukey's test (? = 0.05). C. albicans + S. mutans biofilm showed higher acidogenicity than the biofilms of S. mutans and C. albicans in the times of 56 and 80 h of growth (p < 0.05). The groups differed (C. albicans
Subject: Placas dentárias
Streptococcus mutans
Candida albicans
Cárie dentária
Desmineralização
Editor: [s.n.]
Citationo: SAMPAIO, Aline Araújo. Potencial cariogênico da Candida albicans = Cariogenic potential of Candida albicans. 2016. 1 recurso online (45 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP.
Date Issue: 2016
Appears in Collections:FOP - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Sampaio, Aline Araujo_D.pdf752.6 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.