Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286954
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: As ondas do litoral norte (SP) : difusão espacial das praticas caiçaras e do veraneio no Nucleo Picinguaba do Parque Estadual da Serra do Mar (1966-2001)
Title Alternative: The waves of the coast north (SP) : spatial diffusion of caiçaras practices and the summering in the Picinguaba Nucleus of the Serra do Mar State Park (1966-2001)
Author: Raimundo, Sidnei
Advisor: Ferreira, Marcos César, 1957-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa avaliou a formação territorial no extremo norte do litoral paulista em 40 anos, discutindo suas mudanças sócio-espaciais. Para tal, foi realizado levantamento das características da sociedade e da natureza. A sociedade foi analisada pela ¿Situação¿, da Escola Espacial, considerando o arranjo espacial condicionado por dois dos principais objetos geográficos da região: a BR-101 que dinamizou o processo de ocupação e o Parque Estadual da Serra do Mar, que ofereceu resistência a essa ocupação. Esta análise foi complementada pelas categorias do Espaço: forma, função, estrutura e processos. A natureza foi analisada pelo ¿Sítio¿, da Escola Espacial, complementada pela análise integrada Geossistêmica. Estes foram classificados como ¿em biostasia¿, ¿de transição¿ e ¿em resistasia¿. Todas essas informações foram correlacionadas, permitindo entender a distribuição espacial dos usos sobre os Geossistemas, destacando as persistências de usos no tempo e os problemas ambientais. Com isso, pôde-se propor atividades para melhorar o gerenciamento deste setor do litoral. As inovações ligadas ao veraneio e turismo estabeleceram-se nas vilas caiçaras existentes no interior do parque e a difusão espacial em 40 anos, desde a abertura da BR-101, se deu de uma forma radial, a partir destes ¿pontos¿ formados pelas vilas. Nesse setor, não se observou abertura de novas frentes, mas uma dinamização no interior dessas vilas. Dentro do parque, mas fora da área das vilas, há uma involução da ocupação do veraneio e a tendência espacial é a evolução de ¿ambientes de transição¿ ou ¿em resistasia¿ para ¿em biostasia¿. Fora dos limites do parque, a ocupação se dá também pela intensificação das ocupações nas vilas, mas com um padrão generalizado, ao longo das praias e das estradas vicinais. Conclui-se que a rodovia BR-101, principal vetor de ocupação, não propiciou uma ocupação generalizada em áreas além de sua faixa de domínio e da linha de costa, devido às funções sócio-econômicas (turísticas e de veraneio) atribuídas à região, concentrando a ocupação na faixa costeira. Assim, a baixa pressão de uso fora da orla, ajudou o parque estadual a oferecer um ¿atrito¿ espacial, reduzindo os processos de ocupação, apesar dos poucos recursos que dispõe, mantendo a ocupação restrita às vilas caiçaras. No litoral norte de Ubatuba, no sertão e na orla, as planícies configuraram-se nas principais ¿persistências espaciais¿ ao longo do tempo. Foram utilizadas pelas práticas caiçaras e, posteriormente ocupadas pelo turismo e veraneio, devido à maior atratividade para essa atividade. Transformaram-se nas paisagens naturais mais alteradas e desconectadas da região. A paisagem natural apresenta uma grande associação entre as formas do relevo e a cobertura pedológica. A vegetação está conservada nas altas vertentes, formando um continuum ao longo das escarpas da Serra. Não se conseguiu, pelo método utilizado, associar a vegetação com o embasamento e assim, ter maiores informações sobre os processos naturais que ocorrem na área. Enquanto as práticas sócio-econômicas permanecerem com esse padrão geral de uso - predominantemente pontual e de forma descontínua na paisagem -, não afetarão os ambientes mais conservados, contribuindo para manutenção da qualidade da paisagem natural

Abstract: This research evaluated the territorial formation in the extremity north of the São Paulo coast in 40 years, discussing its social-spatial changes. For such, it was surveyed the society and nature characteristics. The society was analyzed by the "Situation", of the Spatial School, considering that the space¿s arrangement was conditioned for two of main geographic objects of the region: the BR-101 (a highway) that increased the occupation process and the ¿Serra do Mar¿ State Park, that offered resistance to this occupation. This analysis was complemented by the Space categories: form, function, structure and processes. The nature was analyzed by the "Site", of the Spatial School, complemented for the Geosystem's integrated analysis. These Geosystems were classified as "in biostasy", "of transition" and "in resistasy" areas. All of the informations were correlated, to understand the human uses and their space distribution on the Geosystems, detaching the persistence¿s uses on time and the environmental problems. With this, it could be considered activities to improve the management of this coast. Inside the park, the innovations to the summering and tourism were established in the Caiçaras villages (fisherman and little farmer that lived in Brazilian Coast). The spatial diffusion in 40 years, since the opening of the BR-101, has had a radial standard, from of these "points" formed by the Caiçara's old villages. In this sector, opening of new fronts was not observed, but an increase inside these villages. In the park, but out of the villages, the summering occupation has reduced, and the space trend is going from ¿of transition or in resistasy¿ to ¿in biostasy¿ Geosystem. Out of the park limits, the occupation has been increased in the Caiçara's old villages, but with a generalized standard, to the long of the beaches and the vicinal roads. It was possible to conclude that highway BR-101, main vector of occupation, does not produce a generalized occupation, but concentrate it between the shoreline and the highway, because of the social-economics functions (tourism and summering) attributed to the region. Thus, low use¿s pressure out of shoreline helped the state park to offer "space attrition", reducing the occupation processes, keeping the restricted occupation to the Caiçaras¿s villages. In this region, the plains had been configured in the main ¿persistence¿s space¿ to the long of the time. The plains were used by practice¿s caiçaras and later, by the tourism and summering, due to bigger attractiveness for these activities on the plains. The plains are the places that more have changed into the natural landscapes from the region. The natural landscape presents a great association between the landforms and the soil covering. The vegetation is conserved in high areas, forming one continuum in the ¿Serra do Mar¿. While this general use standard remains, with the socio-economics practices observed - predominantly punctual and discontinuous in the landscape -, it will not affect conserved environments more, contributing for maintenance of the quality of the natural landscape
Subject: Avaliação da paisagem
Gerenciamento costeiro
Ecossistema
Turismo - Aspectos ambientais
Áreas protegidas
Mar, Serra do
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: RAIMUNDO, Sidnei. As ondas do litoral norte (SP): difusão espacial das praticas caiçaras e do veraneio no Nucleo Picinguaba do Parque Estadual da Serra do Mar (1966-2001). 2007. 351f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/286954>. Acesso em: 9 ago. 2018.
Date Issue: 2007
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Raimundo_Sidnei_D.pdf15.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.