Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/1218
Type: Artigo de periódico
Title: Análises estatísticas das tendências de elevação nas séries anuais de temperatura mínima do ar no Estado de São Paulo
Title Alternative: Statistical analysis of annual minimum air temperature trends in São Paulo State
Author: BLAIN, Gabriel Constantino
PICOLI, Michelle Cristina Araujo
LULU, Jorge
Abstract: Considerando que algumas investigações sobre o tema aquecimento global utilizam longas séries temporais de temperatura uma questão que deve ser levantada é relativa a influência de possíveis concentrações de fontes de calor urbano a que os postos meteorológicos possam estar submetidos. O primeiro passo para responder a essa questão é verificar se, em uma mesma região, ocorrem tendências concomitantes de elevação nos dados de temperatura em diversas localidades, possivelmente ligadas a fenômenos de escala global. Entretanto, se essa elevação tiver seu início em períodos bastante distintos entre as diversas localidades, o descarte de forçantes radioativas locais como principais responsáveis por esse aumento, dificilmente poderá ser realizado. O objetivo do trabalho foi detectar tendências de elevação nas séries anuais de temperatura mínima, bem como a data inicial dessas prováveis alterações, em seis localidades do Estado de São Paulo. A caracterização das séries foi realizada por meio da distribuição normal. O teste de Mann-Kendall não indicou tendências concomitantes nos dados anuais de temperatura mínima. Dessa forma, fatores de escala local parecem se sobrepor a fatores de escala global como principais forçantes radioativas causadoras do aumento médio dos valores da variável meteorológica sob investigação. Os resultados demonstram a necessidade de avaliar e/ou isolar fatores locais, como a urbanização, antes que investigações sobre os temas aquecimento global e zoneamento agrícola sejam realizadas com base em séries históricas no Estado de São Paulo.
Considering that some global warming investigations are based on historical series of air temperature, a question that should be raised is about the influence of urban heat sources on the weather stations areas. The first approach to answering this question is to verify if different weather stations that are geographically close to each others, show elevation trends starting at the same time, possible related to global radiative forcing. However, if these trends start at quite different period among the several weather stations, the elimination of local radiative forcing as the main responsible for this trend is not possible. The aim of this work was to detect continuous trends in annual minimum air temperature series of six weather stations of the State of São Paulo, Brazil. The initial date of those trends was also evaluated. The series were fitted to the normal distribution. The Mann-Kendall test did not detected elevation trends starting at the same time among the analyzed series. Thus, local radiative forcing seems to be a more important factor, responsible for the average increase of the meteorological variable under investigation, than global radiative forcing. The results also indicate that local factors, such as urbanization influences, have to be evaluated and isolated in global warming or agricultural zoning investigations based on minimum air temperature series of the State of São Paulo, Brazil.
Subject: Mann-Kendall
Urbanização
Ilha de calor
Mann-Kendall test
Air temperature urbanization influences
Urban heat island
Country: Brasil
Editor: Instituto Agronômico de Campinas
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0006-87052009000300030
Address: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052009000300030
http://www.scielo.br/pdf/brag/v68n3/a30v68n3.pdf
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FEAGRI - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_LULU_Analises_estatisticas_das_tendencias_de_elevacao_nas_2009.pdfpublished version628.02 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.